Segredo: Honda está desenvolvendo inédita Hornet 800

Hornet 800

Assim que a Honda mostrou a nova CB 650F no Salão de Milão, em novembro do ano passado, não faltaram críticas àquela que seria a sucessora da Hornet. Isso porque, apesar do motor ampliado de 600 para 650 cc, a marca japonesa priorizou o torque em baixas rotações e uma entrega mais linear de força, diminuindo a potência máxima dos atuais 102 cv para 87 cv.

Hornet 800 - 2

Mas lembre-se também que a marca da asa não falou em momento algum que a CB 650F seria a nova Hornet. Pelo contrário, a Honda até tirou o sobrenome Hornet da moto. Pois bem, ao que parece isso tem um motivo. Segundo a revista francesa Moto Revue, a nova Hornet ainda está por vir e, para alegria dos fãs da esportividade do modelo, chegará com um novo motor de 800 cc. Desta forma, ela se alinhará às principais concorrentes em cilindrada, como Kawasaki Z800, BMW F800R, Ducati Streetfigther 848 e Suzuki GSR 750, entre outras.

Hornet 800-3

De acordo com a publicação, a nova Hornet terá cerca de 115 cv de potência e 8,8 kgfm de torque (contra 102 cv e 6,5 kgfm da atual 600), com um peso estimado de 190 kg e velocidade máxima na casa dos 230 km/h. O preço, na Europa, deverá começar em 8 mil euros, o equivalente a uns R$ 25 mil. E o melhor: a Hornet 800 deve ser apresentada ainda em 2014. Resta aguardar!

Imagens: reprodução Moto Revue

Publicidade

110 Comments

  1. Chris Fr-s/Brz

    17 de janeiro de 2014 at 9:27

    Vamuus Aguardar… –'

    Deve chegar aqui custando uma Fortuna !!!

    • Rodrigo

      17 de janeiro de 2014 at 9:36

      deve vir na casa dos 36~40k, pra fica na margem da GSR e da Z800

      • Flavio

        18 de janeiro de 2014 at 15:57

        a Hornet atual sem ABS tá por 32 mil, e a CB1000R sem ABS tá por 40 mil, acredito que venha mais ou menos por aí mesmo… se levar em consideração que a concorrente mais próxima em cilindrada que é a Z800 tá vindo por 36 mil sem ABS, capaz que a Hornet 800 venha por uns 37 mil, e até 40 mil com ABS… é muita grana msm…

      • @cleberjh96

        18 de janeiro de 2014 at 17:41

        já acredito que venha na faixa dos 34, ficando a linha de preços com CB500 24K, CB650 29K E CB1000 de 39K

    • wedson

      17 de janeiro de 2014 at 9:40

      vai chegar com preço fora da realidade , a honda ta so perdendo mercado , moto inviavel quem compra perde muito dinheiro .

      • Gilson Soares

        17 de janeiro de 2014 at 14:40

        Quem compra uma motocicleta deste quilate tá muito preocupado com perda de dinheiro.

      • Denis

        17 de janeiro de 2014 at 16:38

        COMPRA CB 300 OU TITAN 150.. QUEM SABE ASSIM VOCE PERDE MENOS DINHEIRO..!!!!

        • wedson

          17 de janeiro de 2014 at 20:05

          A QUESTÃO NÃO E PERDE DINHEIRO E A EXPLORAÇÃO , EU TINHA UMA HORNET 600 VENDI A 6 MÊS POSSO COMPRAR UMAS 30 DESSA MAS VOU DEIXAR OS TROUXAS COMPRAR AQUI TEM MUITO TROUXAS DEPOIS COMPRO DELES PELA METADE E AINDA E CARO , MAS EU GOSTO DE MOTO .

          • Gabriel

            17 de janeiro de 2014 at 22:18

            Me admira você ter tanto dinheiro se nem sabe escrever direito.

          • wedson

            18 de janeiro de 2014 at 10:29

            A ENTENDO E SO FORMADO QUE GANHA DINHEIRO , EU NÃO GOSTO DE PORTUGUÊS , AGORA MATEMATICA EU ENTENDO SEI SOMAR E FATURA E NÃO SOU RICO NÃO . UM FORMADO GANHA EM MEDIA 4 MIL POR MÊS QUANDO TEM EMPREGO , CONHEÇO MUITOS AQUI QUE NÃO SÃO FORMADOS E FATURA MAIS DE 1 MILHÃO POR ANO . A TEM UM BESTA AQUI NA MINHA CIDADE QUE JA FATUROU UNS 100 MILHÕES DE REAIS ISSO MESMO MUITA GRANA , TA ADMIRADO AINDA PODIA ENSINAR VOCÊ GANHAR DINHEIRO , MAS VOCÊ E FORMADO VAI TRABALHAR PROS OUTROS . A EU TO GANHANDO , VOCÊ ENTENDEU O TEXTO PROFESSOR DE PORTUGUÊS E ISSO QUE IMPORTA .

          • zézim

            18 de janeiro de 2014 at 15:50

            Com tanta grana e escrevendo dessa forma… Deve ser um MC.

          • Joao do Pulo

            28 de janeiro de 2014 at 17:15

            Zézim e ele vai entender como merda "ceca"…

          • Edson v

            9 de março de 2014 at 17:10

            Você deve ser mais um trouxa , que ele vendeu moto porque tanto preconceito cada um no seu quadrado me desculpe ,eu não sou ninguém mas quem e você para criticar os outros , ta se o entender que ele foi mais esperto do que você.

          • Allisson

            17 de janeiro de 2014 at 23:55

            Nossa….uma pessoa do seu naipe, com tanto dinheiro, escrevendo assim (…) rsrsrs

          • wedson

            18 de janeiro de 2014 at 11:29

            OUTRO PROFESSOR DE PORTUGUÊS , VOCÊ ENTENDEU O TEXTO E O QUE IMPORTA .

          • hugo

            18 de janeiro de 2014 at 12:55

            Analfa!! rsrsrs

          • thiago

            7 de fevereiro de 2014 at 17:12

            kkkk que burro da zero pra ele

          • rodrig.

            19 de janeiro de 2014 at 22:13

            Isso ai Man! rssrsr tambem to nessa Pegada. deixa os manés darem 40 pilas. dps compramos por 20 na mao deles. suasua

      • lightness RS

        18 de janeiro de 2014 at 2:57

        quer investimento não compra carro, muito menos moto esportiva

      • luiz alfredo

        10 de fevereiro de 2014 at 16:02

        anda á pé e de buzão que tu não perde dinheiro, só que não dá pra levar no caixão!!!!

      • luiz alfredo

        10 de fevereiro de 2014 at 16:11

        na verdade a moto vem com preço acessivel, mas o que a torna cara são os impostos que vão para o governo!!!!!!

        • João

          13 de fevereiro de 2014 at 16:40

          Fazendo as contas ao contrário, tirando os impostos do governo e comparando com os preços finais de outros países você vai ver que ali no meio tem no mínimo R$ 5.000,00 que a fabrica cobra, fora o ágio das concessionárias, não é só o governo que explora a gente, as fábricas também fazem isso pois brasileiro é burro e paga…

          • Ricardo

            7 de abril de 2014 at 21:25

            o salário mínimo na Alemanha é de 8,5 EUROS por hora, aproximadamente 1.360 por mês. ou seja, na Europa, um trabalhador levaria 6 meses para comprar uma hornet a vista. aqui no Brasil será necessário 52 meses.

          • valdier

            10 de maio de 2014 at 21:35

            dependedo do caso pode chegar ate 72 meses rsrsrsrsrs

      • John

        12 de abril de 2014 at 6:41

        Você tá certíssimo parceiro..

    • Paulo Carvalho

      17 de janeiro de 2014 at 16:34

      Alem de fortuna, tudo é acessório para cobrar mais caro. Passei numa cc Honda por acaso e sentei em uma 700 NC, parece que eu estava sentado em uma viga de concreto de tão dura. Estou acostumado com BMW.

      • Tiago

        18 de janeiro de 2014 at 15:05

        "eu estava sentado em uma viga de concreto de tão dura" … hmmm estou sabendo! kkkk

      • Nnoitra

        18 de janeiro de 2014 at 18:56

        NC= not comfortable

      • Macho Alfa

        29 de janeiro de 2014 at 22:47

        Sentado numa viga de concreto. Isso é uma b….ona!

      • thiago

        7 de fevereiro de 2014 at 17:14

        ele senta eu sei que senta….

    • higo

      18 de janeiro de 2014 at 2:11

      a cb 1000r custa na casa dos 42.500 , ela devera ficar antes disso rs…

    • vitor fabris

      18 de janeiro de 2014 at 13:38

      acho q na base de uns 40 conto

    • igor goiano

      2 de março de 2014 at 11:11

      Caro mesmo ,manutencao e o imposto do pais nosso,ipva dpvat licenca anual. Igor goiania

    • carlos

      31 de maio de 2014 at 0:29

      ai chris essa hornet 800cc nao vai vir p o brasil so vao lançar nos estados unidos é uma pena foi o que me falaram na representante da honda aqui da minha cidade tomara que estejam enganados mas se for verdade já era o sonho da galera ai dos comentarios o vendedor me disse que a 650 vai entrar no lugar da hornet 600

  2. Lizo

    17 de janeiro de 2014 at 9:46

    O cara ai em cima deve analisar outro mercado… Aonde a Honda esta perdendo mercado? A marca é lider no segmente deste que o mundo é mundo…. Quem compra paga mais caro, mas pelo contrário, não perde dinheiro pois tem mercado…. Compra uma Dafra e veja se na revendo perde mais dinheiro o cara que comprou
    Honda ou esta….

    • PedroP

      17 de janeiro de 2014 at 13:23

      honda só é mercado no lixo do brasil meu jovem…

      • Fernando

        17 de janeiro de 2014 at 15:10

        Amigo vc não poderia estar mais enganado. A Honda é líder mundial e não somente no Brasil, ou seja, é "mercado" no mundo todo. Apesar de eu atualmente possuir uma Triumph, já tive Honda e tenho muito respeito por esta marca. Não vejo nenhum problema em voltar para ela se houver oportunidade. Não entendo porque há tanto preconceito no Brasil com as japonesas, pois posso garantir que dependendo da moto, há tanta tecnologia embarcada quanto as europeias. Ou vocês acham que se a BMW, Triumph ou Ducati fossem fabricar motos pequenas e populares, não usariam a mesma estratégia das japonesas de enxugar a tecnologia das motos para obter preços competitivos e acessíveis?

        • valdier

          10 de maio de 2014 at 21:41

          a yamaha com a xj6 ta vendendo mais q a hornet esse ano se continuar assim a honda vai cair

      • Denis

        17 de janeiro de 2014 at 16:39

        no minino voce possui alguma yanamarra..kkkkkkkkkkkk

      • marcos

        17 de janeiro de 2014 at 19:23

        isso mesmo , e a metade desse preço 36 mil ja e muito pra ela . e outras marcas sem noção de preço .

    • Rei

      17 de janeiro de 2014 at 20:44

      A Honda só lidera mercado de motos no Brasil e tudo por causa das utilitárias CGs.

      • Paulo

        24 de janeiro de 2014 at 17:42

        Não é verdade, procure se informar

    • carlos

      31 de maio de 2014 at 0:31

      essa hornet 800 irmao vai ser lançada so nos estados unidos é uma pena pois tenho um parceiro que trabalha na honda e ele me disse que nao vai ser vendida aqui a que vai entrar no lugar da hornet 600 vai ser a 650

    • sidnei

      9 de junho de 2014 at 21:50

      Se comparada as vendas entre Hornet e Xj6, diretamente relacionado ao número de concessionárias existentes em território nacional a Xj6 está vendendo muito mais que a Hornet.
      Ou seja, o público consumidor está optando mais pela XJ6.
      Por isso a Honda está preparando uma 650cc, mais barata para desbancar a Xj6.
      Como a Honda não quer densevolver tecnologia mecânica para derrotar a Xj6 em desempenho prefere aumentar algumas cilindras a mais apenas.

  3. alexandre

    17 de janeiro de 2014 at 9:52

    fora da realidade o que? Diga obrigado ao governo Dilma que desvalorizou o real mais ainda, se fosse justo a moto seria 8 mil reais, tirando a super hiper tributação brasileira. americanos vao pagar 12 mil no máximo e os japoneses valor semelhante.
    A Honda não tem nada a ver com o preco absurdo que eh vendida aqui… talvez da filial brasileira que cobra sua margem de lucro também somada a tudo.
    E espere ainda ate o fim de 2014 o dólar e euro ainda vao subir mais com o temor do governo do PTcagadas já esta causando no mercado financeiro com suas politicas sociais eleitorais.

    • @ClaudioCharcher

      17 de janeiro de 2014 at 11:39

      8 mil reais também não né? Meu fusca custa isso!

      • marcos

        17 de janeiro de 2014 at 19:02

        não 9 mil reais e o justo .

  4. AF1979

    17 de janeiro de 2014 at 10:15

    Estes dois caras estão detidos, mas já devem estar sabendo dessa história.

  5. gabryelpinho

    17 de janeiro de 2014 at 10:44

    Conforme Havia comentado no Site Motonline, desde o primeiro momento eu aguardava o lançamento dessa Hornet(e ainda aguardo), já que fica dificil pra Honda manter a mesma moto pra concorrer com motos de 26 à 40K.
    Mesmo nao sendo fã da Honda, eu acho que vá ficar interessante essa nova Hornet.

  6. luizj

    17 de janeiro de 2014 at 11:05

    Moto legal.

  7. marcel

    17 de janeiro de 2014 at 11:53

    Com essa potencia e peso vai voltar a ser matadora… preço vai ficar igual a concorrencia…

  8. thiago martins

    17 de janeiro de 2014 at 12:29

    com certeza essa moto vai vim pro brasil custano 39mil Dilmas e a honda sabe bem dominar o mercado brasileiro.estava perdendo vendas para a XJ6n e para ER6n veio e lançou a cb650f para não perder . estava perdendo mercado para a 750 da suzuki e a Z800 e com certeza vai lançar essa hornet 800 custando sempre um pouco a mais que as outras só por ser honda.com essa hornet 800 adeus cb1000 vai sair de linha.

    • Mark

      17 de janeiro de 2014 at 17:24

      Fala bobera, cb 1000 e outro segmento tb … A Honda aproveita da sua fama pra por o preço la em cima mesmo (gastou milhõess em marketing pra que ?)… A qualidade da Honda é excelente sim, mas a Yamaha por exemplo e tão qualificada quanto e com preço menos pior.

    • gabryelpinho

      18 de janeiro de 2014 at 14:21

      CB1000R e CB800F são categorias diferentes, enquanto a 1000 é Naked alta cilindrada e irá concorrer com Z1000, Brutale 1090 e Cia, a 800 é Média Alta, ou Média Premium, já que irá concorrer com as Nakeds até 800cc que são Z800, futura MT-07 e GSR750. Por esse motivo ela nao sairá de linha.
      As vendas realmente diminuiram, mas ela nao teve perda de mercado tão significativa, entao acho que isso poderia ser chamado de "Preenchimento de lacuna", já que era dificil ela concorrer com motos de 25 à 40K, com o mesmo modelo, entao, desce a Hornet, ou melhor, Cb650F e nasce CB800F. Se você for avaliar os ultimos lançamentos da Honda, você verá que todos são de segmentos vazios, ou de nao atuação por sua parte, como vc pode ver em Biz 100cc, CB500 e familia, Ctx , Etc.

    • bmw1000rred

      27 de março de 2014 at 14:12

      é isso aí mesmo amigo…mas acho que a cb 1000r continua. vão mudar algumas coisinhas nela, pra poder aumentar mais o preço.

    • valdier

      10 de maio de 2014 at 21:47

      eu aposto na xj6 melhor preço moto bonita a 650 se vim pro brasil do jeito q mostraram no salao ela nao vai vender tanto assim nao

  9. Luiz Pires

    17 de janeiro de 2014 at 14:16

    Uma pena a Yamaha não lançar a MT-09 para acabar com essa brincadeira…

    • Andrew

      17 de janeiro de 2014 at 16:24

      No salão de SP o presidente da Yamaha disse que vai lançar no segundo semestre de 2014… Só mudaram o nome pro mercado brasileiro, que vai chamar FZ-09…

    • Brasil Motocicletas

      17 de janeiro de 2014 at 22:48

      Apoiado Luiz….seria ótimo ter esses dois lançamentos…..

  10. QuaseBobo

    17 de janeiro de 2014 at 14:27

    Pois é, vai chagar lá pelos R$42k. Os fãs da HORNET, uma 600cc valente e divertida, vão ter q pagar 25% a mais do que pagariam na antiga, pra comprar esta; ou então, andarão de CGzão 500cc ou 650cc. A Kawa agradece………é só baixar um pouco os seus preços da 800cc e vai nadar de braçada……kkkkkkkkkkkkk

    • Mineiro

      17 de janeiro de 2014 at 15:52

      Isso, depois você pega uma Kawa 800 na hora de trocar por outra e vende ela a preço de CG, sem falar na manutenção caríssima. Só mesmo quasebobo para ter esse raciocínio. A CB 500F é uma delícia de moto e cumpre muito bem o papel que propõe, ser uma moto acima das 300 e mais urbana. A CB 650F com certeza vai vir para brigar (e ganhar) das XJ6, ER-6 e Gladius. E pode ter certeza que a Hornet 800 vai dar pau nas outras também. Mas tem aqueles contaminados com "síndrome de motoboy" que acham que potência e velocidade é tudo em uma moto, fazer o que.

      • Alano

        19 de janeiro de 2014 at 10:19

        compra uma biz mineiro, já k não gosta de potência, há me esqueci os mineiro são quase parando mesmo

      • Cassio

        29 de janeiro de 2014 at 2:07

        Você mesmo fala de motoboy e fala da Hornet 800 dar pau…acho que o termo: Motoboy se enquadra bem a você, pois tá na cara que é Hondeiro e pensa que só a Honda que presta no mundo.

    • José

      17 de janeiro de 2014 at 17:19

      Kawa baixar preços???
      HUAHUAHUAHUAHUAHUAHUAHUA!
      Z800 tá 41k com ABS!!!! Eles estão é metendo a mão também!
      Não existe bobo nestas montadoras!

  11. Rogerio

    17 de janeiro de 2014 at 15:32

    Tenho uma Kawasaki ER6N, excelente moto ta com 30.000 Km nunca tive problema. Vou fazer um UP e fui ver a Hornet e a Z800, a diferença é de R$ 4.000,00, maaaaaaas ;

    Seguro Hornet R$ 5.500,00 (usando meu bonus 3 )
    Seguro Z800 R$ 1.900,00 (usando meu bônus 3)

    Quero a branca, mas 2014 tem verde e abóbora….já fiz minha escolha. Abóbora metálico muito linda.

  12. Zivinakevicius

    17 de janeiro de 2014 at 15:51

    Vai vender como sempre vendeu!
    A Yamaha parou no tempo com o Brasil.
    A Kawa não tem rende para atender a demanda, eu fui tentar comprar uma Z800 e o atendimento foi péssimo, resultado…
    Voltei pra casa da Aza… Menor desvalorização, maior rede, e todas as Hondas que tive vendi rápido!

  13. Rique_2014

    17 de janeiro de 2014 at 17:11

    Linda moto a da terceira foto. Aguardo detalhes desta moto.

  14. krluz

    17 de janeiro de 2014 at 19:09

    Vai ser montada em Manaus a nova hornet. meu tio trabalha na rede de novos modelos e me contou
    tô preocupado pq ele disse que honda tava perdendo mercado

  15. Fernando

    17 de janeiro de 2014 at 19:48

    Já existia Hornet 900. Agora estão voltando devagarinho… Tudo em função da dança do mercado.

  16. Gilberto

    17 de janeiro de 2014 at 21:33

    Nossa senhora, os designer ta ficando tudo igual das motos………ta muito igual a cb500 na frente desse moto…pqp cade os engenheiros da honda? só copiam agora!

  17. Robson F.

    17 de janeiro de 2014 at 23:00

    Eu sabia, rss!!! Já tinha previsto essa jogada da Honda: lançar uma média mais barata (CB 650F) pra concorrer com a XJ6 e a ER-6n, e por outro lado, uma média mais cara e potente (Hornet 800) pra concorrer com as 750 e 800 do mercado atualmente, pois estava perdendo vendas sim, e a Honda, quer queira, quer ñ, ñ iria perder mercado assim de mão beijada, rsss, eh lógico q os kras iriam se mexer! Ótima jogada da Honda, mas de ser a mais visada em roubos e, consequentemente, o seguro mais caro, continuam a perseguir a marca da Asa, fato! E aí, como fica, Honda?!

    • valdier

      10 de maio de 2014 at 21:54

      pra tras da yamaha responde sua pergunta

  18. rodrigo souza

    17 de janeiro de 2014 at 23:44

    creio q ñ vai ser + cara q hornet atual ñ porque essa nova cbf 650 vai cair preço tipo uns 28 a 29.000 pra concorrer com a xj..

    • resosta

      19 de janeiro de 2014 at 12:59

      essa hornet vai ser uns 39 a 40 mil

  19. luiz carlos

    18 de janeiro de 2014 at 0:20

    amo uma srad ……. sem comentario o resto nem vou falar

  20. Gustavo

    18 de janeiro de 2014 at 1:35

    Vocês tão malucos!!! Tava lendo os comentários acima e o povo menosprezando a marca. Só é a maior fabricante de motos desde 1956, desde que o mundo é mundo! Coleciona títulos na MotoGP… Cadê a BMW, Suzuki, Teiumph? A Ducati ainda só toma coro! Presta atenção quando você fala de uma marca que lidera o mercado, se ela tá lá é por competência! E não, eu tenho uma Kawa e sou feliz com ela, mas parece que esse povo mora em outro mundo!

    • Fabio Vieira

      20 de janeiro de 2014 at 9:12

      Não é porque a Honda é a maior montadora de motos do mundo que ela é a melhor, se fosse assim carros da Toyota seriam melhor que BMW, Mercedes, Audi, Ferrari, etc.

    • Cassio

      29 de janeiro de 2014 at 2:10

      Sinônimo de quantidade não quer dizer que seja sempre de qualidade. Ah, lá fora as duas asinhas não domina. Pesquise um pouco…

    • Gustavo

      3 de setembro de 2014 at 12:47

      Gustavão, a Honda está em "la em cima" por causa das baixas cc q eles tem e vendem muito bem, se não fosse isso com certeza não ia vender quase nada. Pois com o valor de algumas motos tetracilindricas que eles tem da pra comprar outras infinitamente melhores e eu estou falando do padrão Brasileiro. Mas não estou menosprezando a Honda não, só acho que estão todas iguais as motos, parace até…. Vovô, papai, e filhinho………… Mas gosto é gosto!

  21. Fabio

    18 de janeiro de 2014 at 7:39

    Essa é a realmente a moto do "mano".

  22. JoaoPauloGT

    18 de janeiro de 2014 at 16:16

    Previsível.

  23. RONALDO DOS REIS

    18 de janeiro de 2014 at 22:37

    Moto bacana, mas muito visada. Por isso vou deixar um conselho pra galera: Deixa de Honda não te Yamaha, compra uma Suzuki. Eu tinha Honda e comprei a pouco, a minha Suzy. Confesso que não sinto falta, apesar de a Honda ter uma rede mais ampla de atendimento. Permitam-se ter a oportunidade de avaliar novas possibilidades em suas vidas. Afinal de contas, a vida é muito curta para ser refém apenas de uma marca, quando na verdade, o que vale é a curtida de se sentir livre em duas rodas. Abraço a todos e fiquem com Deus.

  24. Carlao GTS

    19 de janeiro de 2014 at 17:49

    hã? " vai perder dinheiro……" kkkk quem disser isso não sabe nada do
    mercado de motos no brasil;
    afinal uma ASA usada , pode ser mais cara que quando nova.
    e nem da ASA eu gosto…
    mas algumas nunca caíram o preço.

  25. Sidious_Darth

    20 de janeiro de 2014 at 11:57

    A fazer 800 da yamaha é muito mais moto. A cgzona 650 seguiu as ideias da xjn6 da yamaha… agora a Bonda segue as trilhas da yamaha com a fazer 800

  26. Jose

    20 de janeiro de 2014 at 19:41

    A honda tem mesmo que se ligar. Primeiro se for lançar que não seja esta mistura de rabeta de CB1000 com escape de cb650 e frente de cb500. Assim fica difícil. Todas as motos muito parecidas de 125 a 1000CC, sem exclusividade. Ninguem quer andar de 800 ou 1000 e ser confundido com 500 fraquinha, por sinal. Se a honda quiser matar a pau mesmo no mercado mundial tem que fazer uma 800 com motor forte para honrar o legado da hornet e visual agressivo, tipo z800, diferente dessa família de modelos mais acessíveis. Para finalizar mesmo, mudar a geração da transalp e da cb1000 que já tá na hora e junto com uma nova geração de cb1000 (z1000 já se mexeu) uma cbr1000f nos mesmos moldes de cb/cbr650, "mansa" e confortável, para concorrer com ninja 1000. Nem todo mundo que quer uma 1000 quer para track days. O mercado tá cheio de modelos para isso. Há quem deseje passear com uma bela loira na garupa sem ter que quebrar a moça e a si mesmo. Pensa Honda!

  27. Spanholl

    24 de janeiro de 2014 at 0:03

    A verdade é uma só, doa o que doer, isso não é moto para pobre e ponto final. É moto pra quem tem grana sobrando, isso para poder compra-la e mantê-la de acordo. Outra, que graça teria em comprar uma moto dessas se ela tivesse um custo super acessível ? Pra ficar trombando por ai em toda esquina assim como acontece com os CGezeiros ? Imaginem uma moto dessas nas mãos de moleques de 18 a 26 anos a anarquia que iriam virar as ruas. Soberba ? Não ! Realidade ? Sim ! Quem compra uma moto dessas, digo acima dos 35k, além do sonho do consumo o desejo é de EXCLUSIVIDADE, ou seja, não trombar por ai com 1000 motos iguais. Outro detalhe quem compra motos nesses valores são pessoas estabilizadas profissionalmente. Então não é pra qualquer um.

    • Cassio

      29 de janeiro de 2014 at 2:13

      É isso ai, disse tudo!

    • Vitor_MF

      29 de janeiro de 2014 at 12:47

      Tem que viver numa OUTRA realidade pra comentar isso por aqui isso sim…
      Motos como essa não passam dos 6mil dólares em outros países, e de onde vai existir essa tal de exclusividade se a moto é feita em massa numa fábrica? Vc é louco? A Honda e outras marcas que cobram esse absurdo por aqui nas motos media-alta não gastam mais de 10mil reais pra poder montar uma motocicleta dessas aqui no Brasil, isso pq além de terceirizar a produção das peças e obter incentivos fiscais do governo elas pagam baixíssimos salários aos seus funcionários (cerca de R$900,00 iniciais para um funcionário da própria fábrica da Honda, fonte: Polo Industrial de Manaus em 2012), sendo que aqui no PIM a fábrica da Honda possui atualmente entre 225 a 280 funcionários trabalhando em turnos diferentes, ou seja, pouquíssimos em relação ao capital total da marca. E quem sustenta a luxuria dos grandes empresários da área são brasileiros altamente anestesiados e, desculpe-me a expressão, idiotas assim como você. Motos como essa são planejadas para se poder gastar o minimo de recursos e o máximo de capital (R$) na sua venda para o produtor. Então senhor Spanholl, acorde para o mundo real e pare de qualificar pessoas entre pobres e "CGezeiros", que concerteza valem muito mais do o que dinheiro, e comece a pensar nas burradas que você está expondo por aqui.
      #idiotas.eles.estão.por.toda.parte!!!

      • Spanholl

        29 de janeiro de 2014 at 19:27

        Vitor_MF, realmente todos estamos CANSADOS DE SABER que nos EUA e na EUROPA os veículos e motocicletas são muito mais baratos que no Brasil, MAS FAZER O QUE ? Fazer um MOTIM em frente às indústrias automobilísticas e motociclísticas pedindo desconto ? Cara acorda, moramos no Brasil e infelizmente temos de nos submeter às leis e critérios fiscais do Brasil, OU PAGAMOS O PREÇO COBRADO ou ficamos sem nada. Não é diferente com nenhuma outra marca que entra no Brasil. Como eu gosto desse tipo de moto e tenho dinheiro pra comprar eu compro e pronto, sei muito bem que estou pagando caro, mas fazer o que ? Ficar reclamando, chorando e murmurando como você ? Se quiser comprar motos baratas mude logo para EUA ou EUROPA e suma logo do BRASIL, problema solucionado. PARE e REFLITA, se puder, pode até ser que o Brasil mude estes critérios UM DIA, mas tenha certeza que isso não acontecerá da noite para o dia, levará alguns bons anos, POIS TUDO NO BRASIL É A PASSO DE TARTARUGA e não ficarei anos sem comprar o que gosto por conta disso. Pra que ficar fazendo comparações idiotas com outros países, será que vai resolver sua dificuldade ? Criança, CADA PAÍS é CADA PAÍS, cada um com sua postura e maneira de cobrar os consumidores. Agora rebatendo sua perguntinha ignorante, EU ACORDAR PARA VIDA ? Em que mundo você está vivendo cara ? Será você um personagem de um filme de fantasia assim como “ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS” ? Bom, pelas suas palavras tenho certeza que sim. Detalhe, queridão, concordo plenamente com sua assinatura: “”#idiotas.eles.estão.por.toda.parte!!!””, pela compreensão do seu texto ante a interpretação do meu a assinatura é EXATAMENTE A SUA CARA! Fica uma sugestão fundamental para vida, vá estudar muito, se qualificar muito e trabalhar muito que um dia você chega lá e com certeza irá parar de fazer essas comparações insanas e desnecessárias, pois somente assim poderá comprar o que quiser sem ficar reclamando. Estava eu a pensar, daqui a pouco esse cara vai acabar dizendo que a DUCATI deveria vender a DUCATI SUPERLEGGERA (R$ 280k) a preço de CG aqui no Brasil. Mas uma vez, Soberba ? Não ! Realidade ? Sim !

        • Vitor_MF

          2 de fevereiro de 2014 at 5:19

          Você é perfeito reflexo da estupidez, acha que vive no país da Xuxa por acaso?
          Vou encerrar por aqui, por que infelizmente não dá pra discutir com uma pessoa tão fora da realidade como você.
          Ah sim, não que seja da sua conta, mas eu já estou muito bem de vida, mas não é por isso que eu dou as costas pra verdadeira REALIDADE ou muito menos pros problemas da sociedade! Se acha que a sua compreensão de mundo e realidade está correta você está muito enganado! Sem querer me exibir por aqui já tenho formação de nível superior e sei muuiito bem que quem está muito perdido na vida dentre nós dois é você. Afinal você que se acha muito esperto não deve ter percebido que o meu primeiro post faz referências estruturais essencialmente relacionadas às grandes teorias de grandes pensadores que são utilizadas desde a modernidade até a contemporaneidade (Karl Marx, Auguste Comte, Engels, Durkheim, Weber etc.), mas quem são eles ou muito menos eu pra discordar da sua suprema inteligencia alienada de total bom censo, não é mesmo? Antes de apontar para o umbigo dos outros, devia antes olhar o seu. Bons estudos pra você…

    • Pablo

      25 de abril de 2014 at 12:07

      me desculpa meu bruxo, mas ate concordo que nao sejam motos para "pobres' como vc falou, mas dizer que "muleques" nao podem ter uma moto dessas ai já de mais, tem que tem dinheiro, nao quem tem idade,, tenho 25 anos e comprei minha hornet a 7 meses "zerokm" com 24 anos. to pretendendo pegar uma mil, mas ainda nao sei qual marca. abc

      • Spanholl®

        18 de maio de 2014 at 11:22

        Pablo, informação pra você: Existe um projeto de lei em tramitação no congresso que ainda está na pauta para votação, este que seria a criação de categorias A1, A2 e A3 para habitação de motocicletas, assim como é o processo de habilitação em alguns países na Europa, porém aqui no Brasil ainda existe a possibilidade de se colocar idade mínima.

        Veja o modelo:

        A1 de 50CC até 249CC – Idade mínima permitida de 18 a 22 anos;
        A2 de 250CC até 599CC – Idade mínima permitida de 23 a 26 anos;
        A3 de 600CC em diante – Idade mínima permitida de 27 anos em diante;

        O projeto vem de encontro como o modo como as seguradoras tarifam os PERFIS DE CONDUTORES em seguros, onde condutores entre 18 a 26 anos são considerados para as seguradoras condutores de ALTO RISCO estatisticamente e, condutores a partir de 27 anos o risco começa amenizar, pois a consciência e a responsabilidade começa aflorar, então a partir dos 27 anos a taxação do perfil de condutor começa a melhorar em contrapartida o custo do seguro também melhora.

        Se aprovar meu caro a festa do brasileiro já era !

    • valdier

      10 de maio de 2014 at 22:04

      idiota compra moto quem tem condicoes de manter seja rico ou pobre e outra moto e pra quem e apaixonado e nao pra quem quer se isibir

  28. Spanholl

    3 de fevereiro de 2014 at 11:18

    Meu Deus, dai-me paciência…. Vou rir pra não chorar do que acabei de ler, o menino virou filosofo de repente…. kkkkk…… Santa paciência ter de discutir com uma PORTA dessas é a mesma coisa que falar com o VENTO…. Cara, me faz um favor FENOMENAL, aliás pra nós, me ignora, me ignora, me ignora, se você não consegue enxergar/entender o obvio não serei eu que o farei compreender, a vida sim tratará de lhe ensinar, e pior, da forma mais difícil. Como é complicado tratar com pessoas com mente alienada. Detalhe, não parta para méritos educacionais, pois o negócio vai enevoar e muito pro seu lado. Acabou seu tempo Vitinho…..

    • Ezael

      23 de abril de 2014 at 15:44

      Amigão, entendo seu lado e ambos estão certos, mas perdem a razão partindo para agressividade oral. Se eu pudesse, não estou dizendo que posso, mas se pudesse, preferiria pagar menos correto? Seria ignorância de minha parte pagar mais caro por algo que poderia pagar menos. O Brasil não muda, não adianta, por mais que tentamos nada vai mudar. Não perco a esperança, pois quando todos nós tivermos a mentalidade de que um outro ser ao meu lado, quem sabe o Brasil muda? Mas lendo seus comentários concordo parcialmente, pois todos nós seres humanos críticos que somos, temos este direito.
      Abraços.

      • Spanholl®

        18 de maio de 2014 at 10:42

        Ezael, concordo plenamente com você, mas como você também frisou, a realidade é totalmente diferente e do jeito que as coisas andam no Brasil alá PT demorará muito a mudar, não sei nem se estaremos vivos, talvez nossos filhos.

  29. Stanley

    3 de fevereiro de 2014 at 12:31

    Não tem dinheiro compra uma Bizz, bando de favelados!

  30. Tiago

    6 de fevereiro de 2014 at 22:11

    brasil mede valor por cavalos de potencia, vai ficar quase o preço da cbr 600rr com 120cv

  31. legu

    21 de fevereiro de 2014 at 17:25

    galera xj6 quase mesma merd ! e por 27.000

    • Spanholl

      25 de fevereiro de 2014 at 22:42

      XJ6, quase igual a HORNET 800CC ????? auhhuaauhauhuhaauhha……. Faz-me rir…. kkkkkk….. Que ignorância é essa cara ?

      Nossaaaaaaaaaa….. são ""quase""" iguaizinhas….. Pai… dai-me paciência com um comentário insano desses…

      ** XJ6 – 600CC – 77,5CV – 186Kg – Torque de 6,09Kgf.m – Relação peso potência falamos de 2,40kg p/ cada cavalo do motor.
      ** Hornet – 800CC – 115CV – 190Kg – Torque de 8,80Kgf.m – Relação peso potência falamos de 1,65kg p/ cada cavalo do motor.

      Cara não comente mais por favor…….

  32. Neto

    14 de março de 2014 at 16:46

    a Hornet 800cc deve vim na faixa de uns 34~37 mil, a cb650 veio pra concorrer com xj6 , por isso deve estar na faixa de 30 mil , a cb1000 ta na faixa de 40 , então a hornet 800 vem na faixa de 34~37 mil na minha opinião

  33. Toni

    17 de março de 2014 at 22:00

    Belas motos, mas com a situação atual de total desrespeito no trânsito, bem como o VORAZ uso de drogas no trânsito. Eu estou fora. Eu já tinha programado a compra de mais 4 ou 5 motos com seus seguros, mas em um país onde até o CEROL é mais importante que a vida da gente. Estou fora!

  34. Gaúcho

    24 de março de 2014 at 21:33

    Baaah que motaça, tomara que venha cara mesmo!!! É a Honda lançar ela eu compro. Concordo com o cara ai de cima, essa moto não é pra pobre mesmo!!!

  35. Naldo

    15 de abril de 2014 at 21:38

    Fiz um consorcio da Hornet pois vou continuar pagando até q saia a Hornet 800 e ponto, quando sair eu dou um lance .

  36. valdier

    10 de maio de 2014 at 22:13

    enquanto os ricos andam de hornet 800 eu vou d xj6 nao porque sou pobre mas por que acho a moto muito bonita na minha opiniao so perde pra hornet 600.

  37. carlos

    31 de maio de 2014 at 0:22

    Ai galera entrei em contato com uma representante da honda da minha cidade e me disseram que a hornet 800cc vai ser lançada somente nos estados unidos que a 650cc vai entrar no lugar da hornet 600cc.

  38. Luiz carlos

    8 de junho de 2014 at 21:38

    Honda esta seguindo a tendencia de motos com o escapamento curto mais escondido, isso deixa a moto muito mais linda. Chega de moto com estes canos tipo cornetão queima perna.

  39. Sandro

    26 de junho de 2014 at 8:27

    Boatos rolam na net desta tal Hornet 800, a imagem mostratrada é da CB 650F vendidana Europa.

  40. Alessandro

    29 de junho de 2014 at 21:00

    Ae galera, tem muita gnt preocupada com o que o outro gosta, com o que é melhor ou não, gostos são diferentes mesmo pq senão fosse todos estariam andando em um tipo só de moto. O mercado esta ae pra todos os gostos, então vamos aproveitar.

  41. luciano

    3 de julho de 2014 at 21:10

    galera jamais defenderia a Honda ate porque não trabalho para ela mas adquiri uma cb600 hornete 2012 nova estou vendendo ela rodei 7.450 to um ano mas a desvalorização perto da concorrência e minima se a Honda lança a 800 compro uma se não vou para a concorrência q merda q a Honda fez tira a hornete de linha.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>