CARPLACE

Rumores: Marcas alemãs estariam interessadas na italiana Ducati

Em 2011, a AMG – divisão esportiva da Mercedes-Benz – e a Ducati, marca de motos mais famosa da Itália, fecharam um acordo de compartilhamento de imagem de marcas a nível promocional. Desde então existem rumores sobre a compra da italiana pela Daimler, proprietária da Mercedes e da AMG.

Hoje pertencente à Investindustrial, empresa de investimentos que adquire companhias problemáticas para vendê-las após as devidas reestruturações, a Ducati confirmou ao jornal Financial Times que há várias empresas européias e norte-americanas interessadas em comprar parte ou a totalidade de suas ações.

A direção da Ducati não confirma a identidade de possíveis compradores, mas as especulações apontam, além da Daimler, para o grupo Volkswagen e para a BMW, que teria interesse na expansão de seu braço motociclístico.

Por Thiago Parísio / Fonte: ES Autoblog

Publicidade
Publicidade

10 comentários

  1. WagnerRalloFerreira

    16 de fevereiro de 2012 at 9:33

    Espero que seja a Volks, há anos que já há esses rumores da intenção de compra, mesmo porque com essa marca, acredito que os valores serão mais próximos da nossa realidade e a probabilidade de vir pro Brasil pra brigar com a Honda, já a Mercedes….

  2. Estéfano

    16 de fevereiro de 2012 at 10:30

    Se a BMW comprar não tem pra mais ninguém.
    Imagina a BMW passar sua tecnologida de motos para a Ducati e com aquele design italiano, adeus as Japonesas.
    Se a 1000rr da BMW foi considerada a melhor moto do nao (e é) e a ducati lançou a Panigale como resposta imagina uma moto das duas marcas trabalhando juntas!

    • fernandokbarros

      16 de fevereiro de 2012 at 12:14

      A panigale é detalhe pra Ducati, ela mesma já lançou coisa melhor só com exclusividade…

      • Estéfano

        16 de fevereiro de 2012 at 14:29

        Lançou a desmocedici, mas acredito que na pista a panigale já ganhe dela.
        Esperemos um vídeo no youtube para conferir :)

  3. ThiagoD

    16 de fevereiro de 2012 at 11:37

    Pode até comprar, mas não mexa nas motos, ainda quero ter minha Monster um dia.. haha

  4. Jeff_Brown

    16 de fevereiro de 2012 at 12:53

    Bem, fontes próximas da Ducati, já vazaram que embora haja parceria com a Mercedes, ela não está interessada na compra.
    Mas para surpresa de muitos quem está forte no páreo junto com a VW e BMW é a MAHINDRA.

    A minha aposta é na VW, afinal, mesmo depois de concretizar a compra do restante da Porsche, ainda sobra cerca de 15 bilhoes de euros em caixa.
    Fora isso a VW em 2008, lamentou não ter comprado a Ducati nos anos 80. Então, vai demorar ter outra oportunidade.
    O valor de 1 bilhão de euros é fichinha tanto para a BMW quanto para a VW. Não sei o caixa da BMW, mas suponho que o da VW seja maior e ainda mais que pesa o interesse antigo da marca. A BMW pode barrar o negócio, para evitar concorrer com a Ducati com uma saúde financeira maior para alavancar seus projetos.

    • Wellington_L

      17 de fevereiro de 2012 at 2:26

      Realmente…, o interesse do Grupo Volkswagen pela Ducati é antigo… Os alemães poderiam também abocanhar algumas marcas "menores" de alto potencial, como a MV Agusta, por exemplo…, não é?

  5. italiancars

    16 de fevereiro de 2012 at 13:00

    Por favor VW nãoooooo, não quero ver uma moto com frente de Fox kkk

  6. Readgis

    16 de fevereiro de 2012 at 13:45

    Acho que a venda para o grupo Volks seria melhor do que a BMW. Pela última tambem estar no mercado de superbikes elas poderiam acabar se anulando. Já a Volks poderia financiar novos projetos da italiana e ainda liga-la à Lamborghini para aumentar ainda mais o status.

  7. Paulistano

    18 de fevereiro de 2012 at 13:54

    grupo VW não pelo amor de deus, só falta deixarem a moto com mesma frente e traseira que nem os carros

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>