Novo SsangYong Korando começa ser vendido no Brasil com preço inicial de R$ 89.900

Novo SsangYong Korando

Apresentado ao público no Salão do Automóvel do ano passado, a Ssanyong finalmente inicia a venda do novo utilitário Korando no Brasil. Com um salto em termos de design, assinado pelo estilista italiano Giorgetto Giugiaro, o novo SUV da marca coreana chega ao Brasil equipado com motor 2,0 litros diesel de 4 cilindros, 16 válvulas que entrega 175 cavalos de potência com preço inicial de R$ 89.900.

Novo SsangYong Korando

O Novo Korando chega em cinco versões, com opções de câmbio mecânico de 5 marchas e automático de 6 velocidades. As versões e os preços sugeridos são:

Korando 2.0 GL câmbio mecânico: R$ 89.900
Korando 2.0 GLS câmbio mecânico: R$ 94.900
Korando 2.0 GL automático: R$ 102.900
Korando 2.0 GLS automático: R$ 109.900
Korando 2.0 GLS Executivo automático:  R$ 119.900,00.

Novo SsangYong Korando

O Korando é oferecido com tração dianteira e sistema inteligente 4X4. O utilitário também conta com ESP (Electronic Stability Program), freios ABS (Anti-lock Braking System), direção com assistência elétrica com ajuste progressivo conforme a velocidade, seis airbags – dois frontais, laterais e de cortina, ARP (Active Rool-over Protection – sistema que melhora a capacidade de frenagem, reduzindo o risco de capotamento). Outros recursos de segurança disponíveis no veículo são os encostos de cabeça e o sistema ISOFIX.

Novo SsangYong Korando

Um acessório de segurança moderno presente no Korando é o sistema de retenção ativa para a  cabeça. Um sinal elétrico é detectado pelo sensor que, no caso de uma colisão traseira, instantaneamente  move os encostos dianteiros  para frente e para cima a fim de reduzir os ferimentos no pescoço em potencial.

Em nota, a marca informa que o modelo será oferecido com sete opções de cores (mas não especificou).

Publicidade

69 Comments

  1. kitokar

    26 de agosto de 2011 at 18:24

    Chega em boa hora. O mercado de SUVs está aquecido e o Korando é uma excelente opção.
    É equipado com um motor Mercedes Benz Diesel e tem 5 anos de garantia.
    Tenho um amigo que comprou o Kyron e está muito contente com o carro.

    • Armando_Perez

      26 de agosto de 2011 at 19:04

      até hoje não vi ninguem reclamar dos carros da marca, e eu conheco muita gente que tem.

      • Campo Grande

        26 de agosto de 2011 at 19:24

        Eu há muitos anos pensei que os pick-up trucks deviam ter frentes aerodinâmicas e a SsangYong foi a primeira a pensar numa proposta bem arrojada após a Chrysler com a Dakota. A frente do SsangYong com nariz de tubarão e cantos rebaixados, reduzem o arrasto aerodinâmico. E todos os carros dessa marca são muito silenciosos. Até hoje eu não vi um guinchado por problemas mecânicos em Campo Grande.

      • saosao

        27 de agosto de 2011 at 0:55

        Me tira uma dúvida. Os carros atuais dessa marca são tão feios, mas tão feios… qual o motivo dessas pessoas comprarem, se há tantos outros modelos melhores e infinitamente mais bonitos e com boa revenda?

        • Paulo_Freire

          27 de agosto de 2011 at 8:34

          Melhores em que? A mecânica dos Sshsahsahsh… é Mercedes.

          • saosao

            27 de agosto de 2011 at 11:14

            O fato do motor ser um Mercedes não diz muita coisa, Paulo.

            Mas eu digo principalmente no quesito design, revenda, rede de concessionárias, que no Brasil são quesitos muito importantes a se relevar.
            Se vivessemos nos EUA onde os preços são mais justos, eu estaria rodando feliz da vida com no mínimo um Subaru, sem me preocupar com valor de revenda, conserto, etc.

          • Paulo_Freire

            27 de agosto de 2011 at 15:39

            O lance é que eles ñ tem apenas motor, suspensão tb é excelente. Eu andei recentemente naquela pick up e te digo sem sombras de dúvidas que ñ há UMA pick up por aqui que seja tão boa de dirigir. Ao invéz de ser que nem um touro velho e brabo pulando e chacoalhando por aí como as atuais são, ela mais parece um carro de tão firme porém confortável que é.

        • mjprio

          28 de agosto de 2011 at 11:57

          Olha, quem tem, diz que os carros são excelentes, robustos e razoavelmente equipados e bem acabados. Além disso, tem modelos DIESEL a partir de 68 mil, com preços que não passam de 100 nos modelos atuais. Portanto não há nada que vc possa comprar com esse preço, tendo a chancela Mercedes-Benz, afinal, a marca conta com powertrain e assessoria técnica alemã.

          • saosao

            28 de agosto de 2011 at 11:59

            Entendi…. valeu pela resposta.

        • marcelo

          18 de julho de 2012 at 12:00

          as pessoas nao compram carro por ser bonito ou feio o que importa e que o carro e exelente com motor a diesel e com o menor custo beneficio

      • V8_sempre

        27 de agosto de 2011 at 3:20

        Onde vc mora ? Nunca vi nenhum aqui no interior de SP !!!

        Pra se ter uma idéia… Os CAMARO de 185 mil reais ! Já vi uns 30 por aqui !

        (Mas… AMAROK, só vi 1 até hoje ! FIAT 500, uns 2 ! Então tá "dentro" ! hehe)

        Mas por ser coreano… Com o padrão de exigência que KIA/HYUNDAI devem "exigir" do mercado por lá ! Não é de se duvidar que sejam realmente muito bons !

        Eu compraria sim, se sentir que a marca está realmente estabelecida no país !

        • Paulo_Freire

          27 de agosto de 2011 at 8:35

          Já viu uns 30 ou o mesmo 29 vezes?

        • Armando_Perez

          27 de agosto de 2011 at 10:05

          cara moro no interior de SC, aqui os coreanos(Kia Hyundai SsangYoung) são muito forte(ao menos na cidade), e aqui tem um número relativamente bom de Ssangyong, e só a familia de um amigo meu eles tem a Rexton, Kyron e Action, e segundo eles não trocariam os carros de forma alguma, ele está na 2ª Rexton já.

        • flavio_b

          28 de agosto de 2011 at 16:25

          o interior de SP
          —–

          O problema é esse

    • alemaesrules

      26 de agosto de 2011 at 19:10

      o motor desse tb é MB? Sabe ao certo a origem dele?

      Pq nos antigos os motores eram MB mas derivados da linha de carga, por isso vibravam muito e eram barulhentos, não tinham relação com os motores dos automoveis da MB, se esse for um novo motor o carrinho fica com um preço interessante.

      • mjprio

        28 de agosto de 2011 at 11:59

        Os primeiros,sim. Mas os atuais, são da mesma linhagem dos motores fornecidos pra Chrysler, são modernos e econômicos, além de macios.

      • Francisco

        29 de agosto de 2011 at 22:20

        O motor é um e-XDI200 e até onde sei é da MB.

    • celso wolff

      26 de agosto de 2011 at 20:05

      só em comparação ao honda crv a pouco postado, muitooo superior..
      e digo mais o honda com esse motor estaria na faixa de 140k e continuaria feio como é

    • Xinuo

      26 de agosto de 2011 at 21:21

      Pena que o motor desse novo SUV não é Mercedez Benz, é um motor desenvolvido pela própria SsangYong. Resta ver se o novo motor se mostra confiável, robusto e econômico.

      Alguém com mais informação poderia dizer se o carro, pelo que oferece, e não pelo preço, merece competir com iX35, Sportage, Sorento, Santa Fé. Quais seriam os verdadeiros concorrentes dele?

      • saosao

        27 de agosto de 2011 at 0:57

        Pelo desenho do carro e preço, deveria competir com Sportage e iX35.
        Mas vendo novamente, a versão AT mais básica já passa de 100 mil reais??? Acho um pouco de prepotência da marca.

        • Jeff_Brown

          27 de agosto de 2011 at 3:57

          Sao, tem que levar em conta que é diesel e 4×4 de série, só aí seriam mais de 25 mil reais se tivesse ix35 ou Sportage diesel por aqui, sem contar que é mais equipado desde a versão GL.
          A incógnita é a nova motorização, que deixou de ser mercedes, se for tão confiável quanto a anterior é um ótimo carro.

          • saosao

            27 de agosto de 2011 at 11:11

            Verdade Jeff, não tinha me atentado ao motor!

        • Henrique

          31 de agosto de 2011 at 12:08

          Amigo concordo com vc, vou me mudar para o Paraguay e comprar um lá por 40 mil e automatico ,e pagar 150,00 por ano de Imposto,tipo ipva no Brasil.

      • Francisco

        29 de agosto de 2011 at 22:23

        Xinuo

        Acredito que eseja equivocado, o motor e-XDI200 e um legitimo MB.

        Entre no site da montadora coreana e vc encontra as expecificações.

    • mjprio

      28 de agosto de 2011 at 11:53

      Até onde eu sei eles não estão mais usando motores MB, não.

    • Henrique

      31 de julho de 2014 at 10:16

      PARECE QUE ESSE MOTOR NÃO É MAIS MERCEDES,AGORA PARACE QUE ELES PROPRIOS FAZEM O MOTOR.

  2. André Barbosa

    26 de agosto de 2011 at 18:52

    Bonito, oponente e elegante! vai fazer sucesso…!

  3. Robson Iecker

    26 de agosto de 2011 at 18:55

    So pelo fato de ser disel ja conta muitos pontos.

  4. Chaves

    26 de agosto de 2011 at 18:56

    prefiro uma capitiva

  5. RenePOA

    26 de agosto de 2011 at 19:03

    É uma Captiva coreana e o único modelo bonito da Ssang Yong.
    A única vantagem é ser a diesel e 4×4.

    • Vin_T

      28 de agosto de 2011 at 23:08

      O que já é uma ENORME vantagem!

  6. Leandro1978

    26 de agosto de 2011 at 19:17

    Primeiro Ssangyong que acho bonito ou normal…rs… Pela configuração de motor e equipamentos me parece ser uma boa opção. Acredito que tenha chances de fazer mais sucesso que os demais modelos da marca.

  7. Jeff_Brown

    26 de agosto de 2011 at 19:24

    Se tiver a mesma robustez dos modelos com mecanica Mercedes, torna-se a melhor compra do segmento.
    Pena que ainda não foi divulgado os pacotes de cada versão, mas segundo a AutoEsporte desde a básica tem: 6 airbags, freios com ABS e EBD, controles eletrônicos de estabilidade e de tração, direção com assistência elétrica progressiva e sistema multimídia com rádio/CD/MP3, conexão Bluetooth e entradas USB e auxiliar, entre outros.
    Para o mercado brasileiro é um preço bastante competitivo, assim como outros veículos da marca. Agora só falta confirmar se mantém a robustez com a nova mecânica desenvolvida pela SsanYong.

  8. Cristiano

    26 de agosto de 2011 at 19:25

    Um SsangYong com frente de Captiva com Jaguar e o resto com um quê de Renault.

  9. Wellington_L

    26 de agosto de 2011 at 19:42

    Muito bom veículo, mas com preços um tanto inflacionados (Brasil!…). No entanto, o Ssangyong Korando tem uma relativa vantagem (dependendo um tanto do consumidor) em relação aos outros SUVs/crossovers médio-compactos do mercado: um motor a diesel.

    P.S.: Algum colega poderia me responder finalmente o porquê de a Ssangyong ter vendas mais significativas na região nordeste de nosso país?

    • Jeff_Brown

      27 de agosto de 2011 at 4:02

      Até que não está inflacionado diante das opçoes do mercado.
      Ele é diesel, 4×4 sob demanda e tem acabamento melhor que Sportage e ix35 de entrada.
      Havia uma expectativa grande de custar 85-89 mil a versão a gasolina, foi uma grata surpresa até.
      P.S. não sei a explicação, mas vejo muitoooos modelos da marca aqui no sul da Bahia, novos e mais antigos, picapes e SUVs, pra mim só vai confirmando a robustez da marca.

      • Wellington_L

        27 de agosto de 2011 at 5:03

        Jeff…

        Eu explanei isso pelos seguintes motivos: a princípio, somente no nosso país é que existe essa diferença monstruosa de preços entre dois veículos iguais com tipos de motores à explosão distintos, sendo o modelo com propulsor a diesel absurdamente mais caro na comparação de o a gasolina – no mercado internacional, estas diferenças comerciais são bem menores; em segundo, e isto não deve ser relevado, o Ssangyong Korando tem dimensões um pouco mais compactas que as dos veículos citados por você. Além disto, a comparação mais atenciosa deve ser feita entre a versão topo de linha e a de entrada, haja vista que a diferença monetária entre elas é de R$ 30 mil e sob o capô encontramos o mesmo equipamento.

        • Jeff_Brown

          27 de agosto de 2011 at 12:09

          Realmente é curioso a diferença entre as versões, estou na expectativa para saber o que muda nos pacotes para ter tal diferença. Cheguei a imaginar que o Executive fosse blindada ou com um 1 ano de massagista exclusiva, para reduzir o estresse do trabalho.

  10. Anderson

    26 de agosto de 2011 at 19:44

    Pode até ser bom e bonito, mas se não fizer propaganda não vende e acaba virando "mais um Ssangyong"

  11. Luky

    26 de agosto de 2011 at 20:29

    Interessante é a oferta de motor DIESEL para modelos que não contam com 4×4 + REDUZIDA…. (o que pode incluir SUV´s compactos)

    Foi a brecha na lei que a Mercedes conseguiu para o ML, acompanhada pelo Land Rover Freelander… e agora o SsangYong Korando.

    Imagino toda a possibilidade que está por vir…. (Captiva, Sorento, IX35, Sportage, Tiguan, etc….)

  12. Diens_mg

    26 de agosto de 2011 at 20:43

    Melhor da categoria… disparado…so de ser diesel e bonito nesse preço… já leva a taça!

  13. Marcelo Xavier de Oliveira

    26 de agosto de 2011 at 20:47

    O Rexton também é muito bonito.

  14. Xinuo

    26 de agosto de 2011 at 21:27

    Na notícia não diz que têm reduzida, mas deve ter, não é? Afinal é um 4×4 e com motor diesel.

    • Paulo_Freire

      27 de agosto de 2011 at 15:31

      Ele é 4×4 de mentirinha tipo o Ecosport, é esse "4×4 inteligente". Na verdade no texto diz que ele é tração dianteira.

  15. Alesr50

    26 de agosto de 2011 at 21:37

    Achei bacana hein

    E ainda a Diesel

  16. Ocsousa

    26 de agosto de 2011 at 23:14

    Belo SUV. Quais as dimensões do veículo?

    • Wellington_L

      28 de agosto de 2011 at 23:06

      Bruno…

      Obrigado pelas postagens… Somente resta saber se a rede concessionária e a publicidade local também favorecem a montadora sul-coreana na região.

  17. AstronSPFC

    27 de agosto de 2011 at 1:12

    Seria interessante disponibilizar o quanto antes a média de consumo.

  18. correadacosta

    27 de agosto de 2011 at 8:24

    eu acho q compensa mais um sorento pelo preço desse carro…

  19. Paulo_Freire

    27 de agosto de 2011 at 8:42

    Um dos mais belos do segmento, tb pudera, desenhado pelo mestre Giugiaro! E ñ por aquele Peter sei-lá-o-que que simplesmente andou copiando certas marcas.

    Fora que é Diesel, e "4×4" desde a versão de entrada, agora "Um acessório de segurança moderno presente no Korando é o sistema de retenção ativa para a cabeça. Um sinal elétrico é detectado pelo sensor que, no caso de uma colisão traseira, instantaneamente move os encostos dianteiros para frente e para cima a fim de reduzir os ferimentos no pescoço em potencial." << Ou seja, encostos de cabeça ativos…

  20. Luky

    27 de agosto de 2011 at 9:50

    Interessante é a oferta de motor DIESEL para modelos que não contam com 4×4 + REDUZIDA…. (o que pode incluir SUV´s compactos)

  21. saosao

    27 de agosto de 2011 at 11:22

    Eu não sou muito fã do estilo do Giugiaro. Também acho que o Peter da Kia copia outras marcas, como o Paulo comentou acima.
    Claro, sem tirar o mérito deles, totalmente merecido. Mas gosto é gosto.

    Para mim esse Korando tem um design bem comum.

  22. Cristiano

    27 de agosto de 2011 at 11:29

    Eu só não entendi uma coisa: a diferença de preços entre as versões manuais e automáticas não está muito alta não?

    A versão GL automática custa R$ 13 mil a mais que a manual???!!! Pior, a versão GLS automática custa R$ 15 mil a mais???!!!!

    A que se deve uma diferença tão grande?

    • michelahad

      28 de agosto de 2011 at 15:47

      EU pensei a mesma coisa, se fosse Hyundai estariam todos xingando a marca. Só porque nao se trata das 4 grandes ou da Hyundai, ninguem cita um absurdo desses. Falta de capacidade crítica…

  23. Vinícius Severo

    27 de agosto de 2011 at 12:02

    Reparem: os SUV estão ficando cada vez mais caros. Antes as versões de entrada ficavam na casa dos 70K. Agora já estão em 90K.
    Eita lucro Brasil…

  24. bgaudes

    27 de agosto de 2011 at 12:37

    O conjunto é bom. O fato de ser diesel e 4×4 deve mexer com mercado nesse seguimento. Mas isso vai depender de marketing. Se o motor for Mercedes Benz como os demais será um tanto melhor. Pode ser bom até para que as outras marcas ofereçam produtos mais competitivos e os modelos a gasolina caiam um pouco o preço pra compensar. Além do mais, o carro lembra mesma a Captiva e é bonito. Vai agradar ao mercado.

  25. EVANDRO MORATA

    27 de agosto de 2011 at 17:06

    POR 119.000,00 DA PRA COMPRAR X60 DA V O L V O .
    SEM COMPARAÇÃO COM COREANO , QUE ESTÃO UNHUDOS…

    • Cristiano

      28 de agosto de 2011 at 13:20

      É meu velho, só que o Volvo X60 de entrada a R$ 119.000 tem tanta economia porca que eu duvido que alguém tenha a coragem de comprar. Quer exemplo? Os apoios de cabeça dos bancos dianteiros são do tipo fixo, sem ajuste. Tipo o Chevette anos 80, como se fosse um prolongamento dos bancos. Inadmissível!!!

  26. Francisco

    30 de agosto de 2011 at 18:26

    CARPLACE,
    No site da montadora http://www.smotor.com tem todos as especificações inclusive se quiserem pode baixar arquivos .pdf do manual completo de reparo de oficina de todos os veiculos da montadora.

  27. Luiz

    23 de setembro de 2011 at 18:07

    O carro sem dúvida não tem concorrente à sua altura, mas o preço que a reportagem divulgou, está completamente errado, não se acha o Korando mecâncico em nenhuma concessionária no Brasil por menos de 98.000,00 e o automático por menos de 110.000,00 você não leva o carro.

  28. webster

    10 de novembro de 2011 at 10:32

    PErdoem-me, mas comprei um por R$ 94.000,00 em 01/11/2011 (câmbio mecânico). Ocorre que no dia 08/11 (uma semana depois) ele começou a apresentar uma fumaça branca na saída do escapamento. Entrei em contato com a concessionária e eles informaram que isso ocorre por causa da quantidade de partículas de enxofre contida no óleo diesel baiano acima do normal (1800 partículas). Recomendaram o uso de aditivo no combustível e que estavam analisando o caso para informar qual ação seria tomada.
    Afora isso, não tenho o que reclamar do carro. Muito bom. Econômico, extremamente silencioso, alto, leve, com muitos recursos e acessórios que nos veículos brasileiros custam uma fortuna. Ademais, o fabricante pensa no seu cliente com cuidado.
    Vamos ver o desdobramento desse incoveniente (fumaça).

  29. Eduardo Bertoni Filho

    18 de novembro de 2011 at 13:08

    O carro realmente muito bonito e tem preço atraente. No entanto, a manutenção é o problema. Meu vizinho tem uma Ssangyong Kyron e esses tempos deu problema de bomba injetora. Ele levou para um mecânico especializado na área pois já havia passado a garantia e ele levou 2 meses para conseguir resolver o problema e, ainda, cobrou uma bagatela de R$25.000,00!!! Ou seja, pode ser fria! Não sei se esse é um caso isolado mas é de se repensar na hora de comprar, né? Tchê, mas mesmo assim eu compraria! Por esse preço tu compra uma Sportage ou uma IX35, que vão fazer 6 km/l de gasolina. Quem roda muito como eu, sem duvidas compra essa! E ainda por cima, diferente dos outros modelos da marca, é bem bonita!!! Show de carro!

    • halan

      8 de maio de 2012 at 20:38

      se quiser ficar apé ou andar de onibus compre uma dessa ou um veiculo sangyong se voce nao enfartar pelo menos vai ser um bom casamento pois a fama desses carros em MG nao e boa muitos tem o carro como eu e estou indiguinado sem poder fazer nada.

  30. charles parreiras

    8 de maio de 2012 at 20:27

    meu carro sangyong ja esta a 60 dias na oficina por falta de peças e nao tem previsao de entrega ,se voce nao tiver outro carro reserva nunca compre uma actyon ou um carro sangyong a maior besteira que eu ja fiz na minha vida

  31. LUK

    24 de maio de 2012 at 18:27

    Amigos tinha uma sorento 2008 diesel e fiz teste drive na korando, no Sorento 2012, VeraCruz e Captiva, não tem nen como comparar o torque do motor a diesel é muito bom, meu irmão acompanhou com uma S10 2010 enão deu nen pro cheiro nas retomadas o korando é muito esperto quanto a a economia a minha esta com 2,200KM na pista a uma média de 120KM 14,6Km/l acima disso fica na casa dos 13,2Km/l na cidade com cambio na posição manual 10,1Km/l cidade de interior. com alguns quebra molas pra ajudar na média.

  32. Mércio Nascimento

    10 de junho de 2012 at 13:49

    O meu Korando é excelente.A única queixa a registrar são os focos de oxidação que encontrei na base de sustentação da porta do compartimento de bagagem e no aro da roda do Stepe, uma semana após a entrega do veículo. Acho que a Districar Importadora e Dist. de Veículos Ltda , distribuidora no Brasil dos produtos da marca SSangYong, bem como a concessionária NAJU ES COMERCIAL DE VEÍCULOS LTDA de Vitória ES que me vendeu pecaram em não verificar o problema durante a revisão de entrega.Espero que a solução venha o mais rápido possível senão recorrerei à Justiça para garantir meus direitos de consumidor.
    Quanto à peças de reposição, não tem jeito, sempre haverá um tempo de espera em se tratando de veículos importados. Quem os compra deve estar preparado para este incoveniente.

  33. Ricardo

    16 de julho de 2012 at 9:40

    Pessoal, comprei um Korando pq depois de ver muitos outros carros e fazer diversos test drive, fiquei encantado com o Korando que é muito diferente e mais bonito que os ssangyong anteriores, além de ter um custo benefício bem atraente se comparado aos demais. Tenho um amigo que ajudou e pesou muito em minha decisão que esta com o segundo ssangyong, antes do Korando atual ele tinha um Action. Aqui em Belo Horizonte, a Ssangyong ainda bem discreta mas acredito que dentro de 4 a 6 meses ela vai explodir em vendas no segmento das SUV.
    Se vc quiser adquirir, eu recomendo!

  34. Henrique

    31 de julho de 2014 at 10:20

    Tenho um amigo que tem uma camionete dessa marca ,precisou trocar os bicos injetores,ficou em 1.500 cada um sendo que um GM fica em 300.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>