Novo Honda Fit inaugurará fábrica de Itirapina – SUV compacto vem em seguida

Novo Honda Fit 2015

A Honda realiza nesta terça-feira (26) o lançamento simbólico da pedra fundamental do início das obras de sua nova fábrica em Itirapina, interior de São Paulo. O modelo que irá inaugurar a linha de produção em 2015 da nova planta industrial já foi confirmado pela marca japonesa: o novo Fit.

A atual geração do Fit divide a linha de montagem da fábrica da Honda em Sumaré com os modelos City e Civic. Com a nova unidade, a Honda abre a possibilidade para o aumento de produção dos dois sedãs. Também será produzido em solo nacional o utilitário esportivo Vezel, que por aqui deve receber o nome CR-U (conheça o jipinho). Já o novo City revelado nesta segunda (veja fotos) deverá ser feito na Argentina.

Honda Vezel - Novo CR-U

Conforme antecipado pela Honda, o investimento total no projeto será de cerca de R$ 1 bilhão e a estimativa é de que sejam gerados dois mil postos de trabalho diretos. O volume de produção anual da nova fábrica é de 120 mil unidades.

Honda Vezel - Novo CR-U

CARPLACE participa da cerimônia realizada em Itirapina nesta tarde, trazendo informações mais detalhadas em seguida.

*Com reportagem de Julio Cesar, enviado à Itirapina, SP

Publicidade

32 Comments

  1. Marcelo

    26 de novembro de 2013 at 13:45

    Ou seja, o Novo Fit já vai ser velho quando começar a vender aqui. Uma pena.

    • AF1979

      26 de novembro de 2013 at 14:13

      Nem tanto. Além de ele ter sido flagrado no que inclusive parece ser o primeiro flagra mundial dele em especificação com volante do lado esquerdo, é bem possível que ele comece a ser fabricado em Sumaré para em 2015 mudar sua linha de produção para Itirapina.
      Não é tão impossível assim um carro mudar de linha de produção durante sua carreira. Não esqueçamos aqui no Brasil do Kadett E, que originalmente era exclusivamente produzido em São José dos Campos mas depois passou a sê-lo exclusivamente em São Caetano do Sul. Seria mais questão de, na hora da mudança da linha, encher os pátios mais do que o normal com os modelos feitos em Sumaré para que eles deem conta do recado enquanto se está mudando a linha de produção para Itirapina.

      • Louis

        26 de novembro de 2013 at 16:00

        Eu vi um rodando hoje, perto da fábrica de Sumaré, camuflado também.

        • AF1979

          26 de novembro de 2013 at 16:17

          E, pelo que falam aqui, a terceira geração do Fit vem já no ano que vem, inicialmente sendo fabricada em Sumaré. Quando começar a funcionar a fábrica de Itirapina, no segundo semestre de 2015, é para lá que ele vai, sendo mantida a tradição da marca de mudar seus veículos de geração no mundo inteiro e com pouquíssima defasagem em relação ao primeiro lugar onde é lançado.

      • Leandro1978

        27 de novembro de 2013 at 10:27

        O Estadão está falando justamente isso. O novo Fit começa a ser produzido já em 2014 em Sumaré e depois passa pra Itirapina em 2015, quando a nova fábrica já estiver operando.

    • PerobaC

      26 de novembro de 2013 at 15:41

      1 ano é velho???
      Então, Golf VII é avô, Focus III é tataravô, o Lancer é centenário …

      Se for por essa ótica irrealista depois de 9 meses de gestação nós nasceríamos andando de bicicleta, pilotando carros de F1, dando cavalo de pau ….

      • jao_simonetti

        26 de novembro de 2013 at 16:38

        O Golf VII chegou rápido. Os outros que não vieram…

        • PerobaC

          26 de novembro de 2013 at 17:33

          Pelo julgamento do sujeitinho aí em cima, o Golf seria avô (velho) porque faria aproximadamente 1 ano depois a ser lançado por aqui.

          Focus, quase 3 anos. Lancer, perto de 5 …

    • PerobaC

      26 de novembro de 2013 at 17:27

      Mais importante que vir atrasado é vir alinhado com segurança e tecnologia.

      Prefiro que venha atrasado 2 ou 3 anos e vir recheado com itens de segurança, a desembarcar rápido, cheio de problemas e pelado.

      Vide GM Vectra sedã que saiu muito cedo do forno e desatualizado perto dos franceses com tantas inovações à época ….

    • subzero99

      26 de novembro de 2013 at 17:43

      Velho? O Novo FIT chega no começo do próximo ano !

    • Carlos

      27 de novembro de 2013 at 11:54

      Fala sério Marcelo, você acha que um carro 1 ano após o lançamento mundial é velho??? Vc. não tem noção do que escreve, mas nem celular é velho. Equipamentos diversos tem uma vida útil projetada, automóvel não é guardanapo!

  2. dniro2011

    26 de novembro de 2013 at 13:48

    Bem vindo novo velho Fit

    • PerobaC

      26 de novembro de 2013 at 17:46

      Gostaria de saber qual montadora estrangeira lançou algum produto no Brasil antes que mundo a fora e teve algum sucesso como este novo modelo vem tendo.

      Descreva apenas 1 ….

      • Cesar

        26 de novembro de 2013 at 18:14

        ford ecosport

        • PerobaC

          26 de novembro de 2013 at 18:21

          Não.

          "… lançou algum produto no Brasil … [ ] …. e teve algum sucesso como este novo modelo vem tendo …"

          Ecosport iniciou o segmento, mas nunca chegou perto do sucesso de vendas do Gol por aqui ….

    • Carlos

      27 de novembro de 2013 at 11:55

      KKkkk tem gente aí que acha que automóvel tem a mesma vida útil de um guardanapo!! Obviamente são pessoas frustradas por não poderem comprar um bem como este.

  3. dniro2011

    26 de novembro de 2013 at 13:53

    E olha que o carro já foi flagrado em testes aqui e só vai vir daqui a 2 anos aproximadamente.

    • Leandro1978

      27 de novembro de 2013 at 10:28

      Não. Chega no ano que vem. Inicialmente produzido em Sumaré e depois em Itirapina.

  4. AF1979

    26 de novembro de 2013 at 14:09

    Também deve ser produzido em solo nacional o utilitário esportivo Vezel, que por aqui deve receber o nome CR-U.
    R: E novamente vamos ficar torcendo para que Honda dote esse carro de uma série de dispositivos anti-incêndio, senão veremos gente por aí desesperada gritando "tô com o CR-U pegando fogo!".

    • Cesar

      26 de novembro de 2013 at 18:15

      hahahaha boa

      • AF1979

        26 de novembro de 2013 at 18:38

        E obviamente ficamos pensando nas versões de acabamento do novo SUV pequeno da Honda: CR-U, Mal Passado, No Ponto e Bem Passado.

    • vagaroo

      26 de novembro de 2013 at 20:09

      Será que o carro vem com o nome de C-R-U. Com esse nome corre o risco de virar crú, cruel. cruz-credo. Para mim já basta a Toyota com o nome Etios…

    • Calferr

      27 de novembro de 2013 at 11:57

      kkk e cada um faz o que quiser com o seu CR-U e ninguém tem nada com isso.kkkk

  5. PG_Lara

    26 de novembro de 2013 at 14:47

    A Honda está ficando com uma linha de veículos bem interessante. Além de uma linha compacta bem completa, com hatch, sedã e crossover, temos o Civic e o CR-V (vindo do México) na linha média. Acho que pra Honda é dispensável um carro "popular", porém seria mto bom se ela investisse tb em MPVs compactas e médias. São carros relativamente bem aceitos no Brasil.

    Para os que estão reclamando da demora para lançar o novo Fit, a montadora japonesa tem um bom motivo pra isso, que é o cronograma de obras de uma fábrica. Mas ela sempre teve a tradição no Brasil de manter seus carros atualizados em relação ao resto do mundo. Pior é a Ford (quase 3 anos pra lançar o Focus 3), Fiat, Peugeot e tb a VW, que deixo seus consumidores a ver navios com vácuo deixado pelo Golf 5 e 6 e a estagnação da linha Polo na geração passada.

  6. cebolafrita

    26 de novembro de 2013 at 15:15

    Capricha na fábrica e coloca os preços do Fit e do City no lugar correto, que é na casa dos 40 e alguma coisa… venderia mais que gol.

  7. jesus te ama

    26 de novembro de 2013 at 16:15

    E o Brio?

  8. Arthur_r

    26 de novembro de 2013 at 16:49

    Mtu bonito o novo Fit, mas do que adianta ser bonito e bem feito, se na versão manual, ira custar por volta de 50 mil reais? e com motor 1.4….

    Com 50 mil, eu vou de new fiesta, 208, C3, novo logan, tem mta opção com essa grana.

    Não tem motivo comprar um Fit, mesmo sabendo da confiabilidade mecanica, nao se justifica pagar quase 10 mil reais a mais que seus concorrentes…

    • Jean

      26 de novembro de 2013 at 16:57

      Vai vender bem do mesmo jeito , mesmo custando caro!

  9. Clovis

    26 de novembro de 2013 at 18:49

    O público consumidor de Fit (a maioria feminino, sem preconceitos) parece estar migrando para carros “altos”. Mantendo os preços atuais, duvido que o FIT sobreviva no nosso mercado. Tem muito SUV chegando e quem preferir carro “baixo” tem muitas opções boas também.

    É esperar para ver. Eu estou fora. Carro “baixo” na minha cidade nem pensar…

  10. vagaroo

    26 de novembro de 2013 at 20:19

    A Honda desenvolveu um novo sistema fabril com o lançamento do novo Fit. Essa fábrica é mais compacta, com processos mais rápido para a pintura, mais lento na soldagem da carroceria -para usar menos robôs -, e várias novas idéias. Juntando o novo Fit com essa nova linha a redução de custo para a Honda é bem significativa.

  11. Wellington_L

    27 de novembro de 2013 at 4:07

    O interior paulista está em polvorosa…, não é?… Dizem (as bem "boas más línguas"…, é claro) até – por exemplo – que os senhores/as políticos de municípios da região avizinhadas à Itirapina quase estão a prostituir-se para de fato receber e instalar os futuros "sistemistas" dessa incrustante indústria automotiva.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>