Novo Gol GT é flagrado dentro da fábrica – Nova versão será GT ou GTI no Brasil?

Volkswagen Gol GT

Durante visita à fábrica da Volkswagen para promover o lançamento do Novo Crossfox, alguns jornalistas “flagraram” uma unidade do Novo Gol com a sigla GT na tampa do porta-malas em plena linha de montagem. Em uma matéria publicada no portal UOL, o jornalista Eugênio Augusto Brito cogitou a possibilidade deste ser uma nova versão esportiva do modelo a ser lançada no Brasil.

Volkswagen Gol GT

Não demorou muito e a notícia foi complementada com a informação de que o Novo Gol GT nada mais é do que uma versão fabricada no Brasil com mais equipamentos e exportada para o México. De fato, a versão GT é a top de linha no mercado mexicano, mas não chega a ser um “esportivo” com sugere a sigla. As fotos mostram o Gol GT vendido no México.

Volkswagen Gol GT

Nesta história, duas questões não ficaram muito claras. A primeira é que em praticamente todas as visitas às fábricas, câmeras fotográficas são proibidas no ambiente. Até aí tudo bem, pois a marca pode ter aberto uma exceção para este grupo em questão. A segunda questão é o fato da Volkswagen ter negado a existência de uma versão GT para Fernando Pedroso, repórter do site iCarros que questionou a marca. A assessoria da Volkswagen respondeu o seguinte: “Não existe um Gol GT e, se houvesse algum, deveria estar bem escondido”. Mas e a versão exportada para o México?

Enfim, será que esta exposição foi apenas para criar uma expectativa em torno do possível Novo Gol GTI, ou GT, ou esportivo com motor 1.4 16V turbo de 152 cv de potência como informou o site ZAP? A parte final da resposta da assessoria “e, se houvesse algum” pode ser um dos indícios de que a versão GT realmente não seja vendida aqui, mas, quem sabe a GTI?

Publicidade

42 Comments

  1. CARPLACE

    30 de novembro de 2009 at 20:27

    Novo Gol GT é flagrado dentro da fábrica – Nova versão será GT ou GTI no Brasil?: Durante visita à fábrica … http://bit.ly/5kRFEw

  2. Salazar

    30 de novembro de 2009 at 21:02

    Basta saber se vai ser mais um exemplar da geração “recall”…

  3. Luh

    30 de novembro de 2009 at 21:23

    G T I pOw!

  4. Paulo Freire

    30 de novembro de 2009 at 21:25

    De novo essa bobagem de Gol esportivo? Aliás, o máximo que poderemos receber é esse GT(NT) aí mesmo, acabar ficam falando do Ka ST, e as séries R e Sporting…

  5. Marcelo

    30 de novembro de 2009 at 21:26

    VAI SER GT-R

    GRANDTROCA-RECCALL

  6. bruno

    30 de novembro de 2009 at 21:31

    Não é GTi nem fudendo… O escapamento nao seria assim…. seria pelo menos duplo igual no punto T-jet. Fora que se vier tambem nao vai vir dessa altura, provavelmente terá molas esportivas no mínimo.

  7. PVC

    30 de novembro de 2009 at 21:37

    Esse chute de “esse Gol é o GTI” tá cansando, a começar o fato de esse Gol aí usar as rodas do Power, os farois fumê ídem. É mais fácil esse aí ser o Gol exportado p/ o México.

    P.S: Vcs da Carplace poderiam dar um jeito nesse anti-spam de vcs? Tá horrível de se comentar, tem que tentar 6/7x até ele aceitar.

  8. Equipe Carplace

    30 de novembro de 2009 at 21:43

    PVC, não é o nsso anti-spam. São os servidores do UOL. Fizeram uma manutenção no fim de semana e ainda está complicado. Estamos em cima para a resolução definitiva.

  9. LucaS

    30 de novembro de 2009 at 21:43

    Pena que o nosso “GT” é diferente do GT dos outros países…

    O nosso é só o carro comum equipado com alguns pouquíssimos acessórios, embaixo do capô não muda nada. Agora nos outros países a sigla GT realmente significa Gran Turismo.

    GT’s brasileiros: Golf “GT”, Polo “GT”, Vectra “GT”….

  10. PVC

    30 de novembro de 2009 at 21:44

    Será que ninguem viu a placa dele ñ? “Águas Calientes”, que eu saiba ñ é no Brasil…

  11. PVC

    30 de novembro de 2009 at 21:45

    Ah bom, valeu a resposta.

  12. MARIO BRITO - DF

    30 de novembro de 2009 at 21:46

    SE FOR UMA VERSÃO A SER LANÇADA AQUI SERÁ UMA BEM LIGHT, NÃO VIRÁ COM ESSE MOTOR 1.4 16V turbo de 152 cv , PORQUE A APARÊNCIA ESTÁ EXTREMANENTE BEM-COMPORTADA,AS RODAS SÃO AS MESMAS DO 1.6POWER, NÃO TEM SAIAS E NEM APLIQUES,SERÁ UMA VERSÃO ESPORTIVA ‘MEIA-BOCA’ COMO FOI O GOLF GT E O POLO GT QUE DE ESPORTIVOS SÓ TINHAM O PREÇO.

  13. MLP

    30 de novembro de 2009 at 22:14

    Simples né. Pelo fato de o carro ser exportado ele não existe para o mercado Brasileiro. Aqui não há nenhum mesmo e a VW não vai ficar anunciando que tem uma versão melhor, mas só para os melhores, digo, estrangeiros.
    Aqui não existe e não vão ser eles que vao falar que existe em algum lugar.

  14. Thiago

    30 de novembro de 2009 at 23:04

    Já estou começando a duvidar da versão GTI com motor turbo alemão… se um CrossFox completo já esta custando quase 65mil, imaginem um Gol GTI com motor importado. Não daria pra concorrer com um Punto T-Jet que é uma categoria a cima do popular da VW.

  15. leandro

    30 de novembro de 2009 at 23:08

    se houver msm um gol GTI msm..qto vai custar? 65 mil? acredito q mais caro q o cross-fox..enfim

    Brasilllllllllllll

  16. Jeff Craig

    30 de novembro de 2009 at 23:45

    GOL GTI – GRANDE TUMBA INCENDIÁRIA !!!!!

  17. Maycon Fabiano

    30 de novembro de 2009 at 23:54

    Thiago disse,
    Enviado em novembro 30, 2009 @ 11:04 pm
    Já estou começando a duvidar da versão GTI com motor turbo alemão… se um CrossFox completo já esta custando quase 65mil, imaginem um Gol GTI com motor importado. Não daria pra concorrer com um Punto T-Jet que é uma categoria a cima do popular da VW.
    ————————————————————————

    CrossFox completo 65 mil ??

    da onde tirou essa Asneira ??

    ” O modelo equipado com todos os opcionais sai por R$ 57 mil ”

    depois dizem que são bem informados !!

  18. Lúcifer

    1 de dezembro de 2009 at 0:47

    Nem o País que mais compra esse carro popular (que de popular não tem nada – 30k $$!!!) eles tem respeito e oferecem uma versão para o público voltado a essa categoria.

  19. Renato

    1 de dezembro de 2009 at 1:24

    ATÉ O EMBLEMA GT VEM TORTO DE FÁBRICA…

  20. Armando Pinheiro Scarponi

    1 de dezembro de 2009 at 3:08

    Maycon Fabiano, com certeza o que o tiago quiz dizer foi uma simples hiperbole. apesar de ele nao ter chegado tao longe. eu vi o site da vw, ainda nao tem o crossfox. mas um fox completo, com todos os acessórios sai por 53.815 reais. acha barato? isso pq ele é um “popular” ou deveria ser. o que ele qr dizer é que se o crossfox sem arcondicionado custa 45mil e o fox completo custa quase 54… quanto custaria um gol com motor importado, turbo e todos os acessórios que deve ter? eu chutaria uns 65mil. fácil, fácil.

  21. Raimundo

    1 de dezembro de 2009 at 6:33

    Questoes a serem levantadas:
    1- A VW tirou o Golf GTi por nao vender bem e manteve o Golf GT e lançou o Polo GT, ambos como motores 2.0 Flex. Por q teriamos um Gol GTi? Por acaso este eh superior aos outros?
    2- Por q dotar um Gol de motor 1.4 16V T com aprox 150cv pra ficar isolado no seu segmento (Palio, Fiesta e Corsa) com preço q podera beirar aos compactos premium top?
    3- Quem precisa de um motor com esta configuracao eh o Polo para ficar em pe de igualdade com o Punto T-Jet ou nao? Talvez isto nao aconteça, pois tornaria o preço do Polo inviavel tal qual aquele Polo importado com motor semelhante cobrando absurdos R$100.000.
    4- Considerando os concorrentes do Gol, a utilizacao compartilhada da plataforma com o Polo e questoes de preço, ta mais facil o Gol ganhar o motor 2.0 Flex e poderia manter o nome GTi, pois numa relacao peso/potencia, se o Polo consegue ficar proximo ao Punto T-Jet, q convenhamos eh mais pesado, para o Gol o equilibrio tende a ser maior.

  22. superkim

    1 de dezembro de 2009 at 6:49

    N vai ser mais GT, agora será TNT

    Gol Tnt

    bummmmmmmmm

  23. Sérgio

    1 de dezembro de 2009 at 7:23

    GT das BOMBA …

    Compre e ganhe 5 RECALL gratis …

  24. Paulo Kuster

    1 de dezembro de 2009 at 7:32

    Não sei o porquê de tanta euforia: há muito tempo que o Gol GT aparece no site da Volkswagen do México, por sinal, com um visual e motorização bem fraquinhos. Se a VW do Brasil fôr mesmo lançar novamente o Gol GT no Brasil – ou GTI, vai ter que melhorá-lo bastante em relação à versão vendida no México, principalmente em relação à motorização.

  25. Ramon

    1 de dezembro de 2009 at 8:05

    isso aew é o GT do vectra!!!

  26. jr

    1 de dezembro de 2009 at 9:34

    Tá parecendo que alguem comprou essas letras e colocou no carro só pra enganar os outros…

  27. Fabio

    1 de dezembro de 2009 at 10:10

    Vai ser mais um esportivo de boutique, como são os ST´s e SS´s de Ford e GM no Brasil. Saias e spoilers com cara de TG Poli, faróis com máscara negra e rodas de, no máximo, 16″.

    Ao motor não será dedicada uma preparação sequer, por menor que seja.

    Por conta disso, levará a sigla GT, assim como os irmãos Polo e Golf.

  28. Analista CAR

    1 de dezembro de 2009 at 11:59

    Estou desconfiado que esse gol será realmente o GTI, porém, com apenas 120/121CV, potência parecida com as do POLO e GOLF GTs.

  29. Eslaine Leão

    1 de dezembro de 2009 at 12:13

    RECALL

  30. Marcelo Padilha

    1 de dezembro de 2009 at 12:14

    GT ou GTI, não faz diferença alguma.
    Nos anos 1980, em que o mercado de automóveis no Brasil era 1/5 do que é hoje, as montadoras nacionais investiam em esportivos de verdade, aumentando taxa de compressão dos motores, trocando carburadores, alterando o perfil dos comandos de válvula e encurtando marchas e diferencial. Exemplares dessa época são o Gol GT 1.8, o Escort XR3, o Uno 1.5R e o Monza SR 1.8.
    Hoje, tirando o Punto T-Jet, esportivo é apenas “grife”, ou seja, um carro da linha normal, com grafismo mais agressivo e motor de cilindrada superior, mas sem qualquer modificação de engenharia digna de nota.
    Ou seja: você paga mais por uma imagem diferenciada e por causa da faixa de IPI, atrelada à cilindrada maior.
    Definitivamente, isso não é um esportivo que valha à pena adquirir.

  31. Heitor

    1 de dezembro de 2009 at 12:17

    difilmente teremos um carro do segmento de populares como o Gol realmente com o motor 1.4

    mesmo a especulação sendo grande em nossa bosta de pais seria inviavel devido aos juros embarcados em motores com Turbo

    eu simplesmente adoraria um assim, porem pra nosso pais é só sonho…

    ai eu fico com meu Voyage 1.0 mesmo =/

  32. Rafael

    1 de dezembro de 2009 at 13:30

    Vao lançar o GT com motor 2.0 120cv…. e quem sabe depois o GTi com 1.4 turbo…
    Mas motor 16v e turbo da VW é uma bomba…

  33. PVC

    1 de dezembro de 2009 at 13:35

    Marcelo Padilha,

    antigamente as montadoras investiam em esportivos?! Tá louco homem?! Essas carroças chamadas Escort XR3, Gol GT, GTS, GTI e Kadett GSi NÃO TINHAM NADA DE ESPORTIVOS! O Escort XR3 era um Escort normal com motor que nem Ford era [ou um certo motor renault que não tinha nada de esportivo] e, junto com o Kadett, são os 2 conversíveis mais vagabundo que tinham na época, a estrutura era raquídica e os motores umas porcarias [o Escort usava 1.8 do Santana que não garantia nenhum filete esportivo e o Kadett usava o motor do Monza com algumas mechidas básicas]. O Gol tb é outra carroça, tanto falam dos plásticos da linha Adventure e adoooooram o Gol GTI que era um Gol normal cheio de plásticos na lataria e algumas mechidas no mesmo estilo do Palio R: modificações no painél, nos ítens de série e adoção de farois de milha, ISSO É DIGNO DE NOTA?!

    P.S: O único Uno esportivo foi o Turbo e o Monza S/R não se dá esse luxo, agora o 1º Vectra GSI sim era um esportivo.

  34. Benisilver

    1 de dezembro de 2009 at 14:45

    Se colocarem o logo “GTI” nisso que vimos acima, realmente acabaria com todo o carisma dessa sigla. Não ha nenhuma esportividade nesse exemplar.
    1° que todo gol GTI que se preze deve ter somente duas portas (não quatro), ponteira cromada, roda de no mínimo 15 e um visual invocado como estamos acostumados, até porque se esperarmos por uma motorização convincente é melhor esperarmos sentados. No Brasil esportivo é só fachada literalmente!

  35. Diego Rodrigues dos santos

    1 de dezembro de 2009 at 17:34

    que carro bom tenho um prata 1.0
    ele deve custar quanto?

  36. celso junior

    1 de dezembro de 2009 at 20:59

    bem, nem no Brasil isso é, esse deverá ser o 1.6 que é vendido aqui…

    com certeza será outro…

  37. Antônio Sérgio

    1 de dezembro de 2009 at 21:15

    E as faixas? Cadê as faixas? Carro esportivo no Brasil só se tiver faixas. São elas que dão todo aquele desempenho esperado. Esqueçam essa história de motor mais potente, rodas especiais, acabamento mais sofisticado. Só precisa das faixas. Ah! Não podemos esquecer o logotipo.

  38. PTC

    2 de dezembro de 2009 at 6:52

    Isso ai que será o esportivo da VW? hahahahahahahahaha………VW= LIXO NACIONAL

  39. Wagner

    2 de dezembro de 2009 at 17:08

    q podreeee

  40. Rodrigo

    16 de janeiro de 2010 at 9:23

    Mais um lixo da VW que o Brasil vai abraçar!

    Eu fico imaginando, os caras que compram esses carros!!!

    As montadoras devem pensar assim: Fizemos uma bosta de carro, um verdadeiro lixo e vamos cobrar caro por isso, pois existem trouxas em pleno século XXI

  41. Hugoo

    24 de abril de 2011 at 5:12

    Calma gente eu vou solucionar o problema de voces.. kkkk (eu rasho comigo mesmo) esse carro é o GOL TREND por isso G T *Gol Trend* kkkk

  42. Jorge Lucas

    15 de abril de 2012 at 15:38

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk vais se poxa vey isso ae e mo caooo
    eles não precisam fazer um "gol gt… gti" se ja tem o golf ¬¬

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>