Novo Chrysler 300C é lançado oficialmente no Brasil custando a partir de R$ 179.900

A Chrysler está lançando oficialmente nesta semana no Brasil a nova geração do sedã 300C. Importado do Canadá, o modelo ficou ausento do mercado por cerca de dois anos, mas volta agora com visual completamente reformulado e conjunto mecânico mais eficiente. Inicialmente, o sedã será oferecido em versão única equipado com motor 3.6 V6 e preço de R$ 179.900.

De porte bastante suntuoso, o 300C mede 5,04 metros de comprimento, 1,90 de largura, 1,48 de altura e 3,05 de distância entre-eixos. O porta-malas acomoda até 462 litros de bagagem, enquanto a distribuição de peso fica na proporção de 52% para o eixo dianteiro e 48% para o traseiro, responsável pela tração.

Trazendo debaixo do capô um motor 3.6 V6 de 24V, capaz de gerar 286 cv de potência a 6.350 rpm e 34,7 kgfm de torque a 4.650 rpm, o modelo não decepciona no quesito consumo de combustível. Apesar do peso de 1.814 quilos e do tamanho do motor, a marca declara que o consumo urbano é de 8,1 km/l e o rodoviário de cerca de 13,2 km/l. O câmbio automático de oito marchas também ajuda.

A lista de equipamento é longa e inclui itens como tela de 8,4” sensível ao toque com viva-voz Bluetooth, entrada USB, compatibilidade para iPod, iPhone e iPad, leitor de CD, DVD e MP3, navegador GPS e som da marca Alpine com amplificador de 506 W e dez alto-falantes, incluindo subwoofer.

Há ainda ar-condicionado dual-zone automático, bancos dianteiros com ajustes elétricos, memória, ventilação e aquecimento; coluna de direção com regulagem elétrica de altura e profundidade, cruise control, sensores de chuva e de estacionamento na frente e atrás, pedais reguláveis eletricamente, persiana traseira elétrica, porta-copos climatizados, partida sem chave e teto solar panorâmico.

No tocante à segurança, destque para seis air bags, apoios de cabeça ativos, controle eletrônico de estabilidade, freios a disco ventilados nas quatro com rodas com ABS, monitoramento da pressão dos pneus e vidros laminados nas portas dianteiras.

Por Dyogo Fagundes – Fonte: Chrysler

Publicidade

51 Comments

  1. Roger

    20 de maio de 2012 at 13:17

    Show!!

    • afonso200

      21 de maio de 2012 at 22:25

      e nos EUA é um carro no valor de um voyage 1.6 daqui, aushaushau é de chorar

  2. Ricardo_Vieira

    20 de maio de 2012 at 13:19

    Pelo menos o consumo (que era um dos principais problemas do modelo antigo) melhorou, é até comparável à muitos populares por aqui!!!

    No começo achava estranho; que tinham estragado o carro e tal, mas agora já me acostumei com o design e acho muito bonito mesmo! Preço um pouco salgado, mas fazer o que, isso é Brasil!!!

    Agora, será que há alguma chance do 200 aparecer por aqui??

    • Milton_GT

      20 de maio de 2012 at 19:32

      Nunca tome como base o consumo com gasolina americana ou europeia, pois na nossa gasolina sem-vergonha o consumo sobe muito, é carro para um consumo urbano na base dos 4 ou 5 Km/l.

      • Brazuca

        20 de maio de 2012 at 22:46

        Sem falar que alguns motores (nomeadamente o do Lada Samara e o da Dodge Dakota) simplesmente pifavam com a gororoba da Petrobosta (ops, Petrobrás).

      • Paulo_Freire

        20 de maio de 2012 at 23:43

        Também não é para tanto. Garanto que ele chega aos 7, lembrando que ele é um pseudo-flex [graças ao E85] então está já adaptado a nossa realidade.

      • Diego

        28 de maio de 2012 at 14:03

        negativo… o consumo dele na cidade é de +- 22mpg… da pouco mais de 9 km/l..(nos EUA) cheguei a fazer 30mpg (12,7km/l) na estrada…

      • Renan

        13 de janeiro de 2014 at 13:14

        Por este motivo que os carros que vem para o Brasil já vem preparados para receber nosso combustível de "Alta" Qualidade. Essa base ai não é Americana, já é os parâmetros Brasileiros. Se você andar não abusando muito e respeitar os limites de velocidade impostos o consumo será esse mesmo.

  3. Carlos

    20 de maio de 2012 at 13:31

    Bonito e luxuoso. Porém custa R$ 180 mil reais !!! Absurdo. De fato, nós brasileiros somos o povo "mais rico" do mundo!!!

  4. Carlos

    20 de maio de 2012 at 13:32

    Ele custa nos EUA 28 mil dólares. Poderia chegar aqui por um preço menor.

    • brunolindolpho

      21 de maio de 2012 at 11:15

      Talvez uns 110 mil;

    • Guilherme

      22 de maio de 2012 at 17:13

      Camaro custa 23k nos EUA e chega aqui por 180.

  5. Arpoador

    20 de maio de 2012 at 13:59

    O carro tá lindo, mas o preço é um absurdo, dá para comprar 3 nos EUA, temos que frear as vendas para ver se essa enorme margem de lucros e esses impostos sofram redução!

  6. Fernando

    20 de maio de 2012 at 14:27

    Preferia o modelo antigo, tinha mais personalidade.
    Esses farois parecem pequenos demais.
    Nos EUA o 330C top dos tops chega a R$ 84.000.

    Não ha imposto que justifique custar R$ 180.000 aqui

    • Diens_mg

      20 de maio de 2012 at 15:11

      Super caro mesmo… mais ainda assim melhor que um Camry a 161 mil, que é inferior, ou que um Genesis a 220, que se for superior é por pouco… isso se for…

      • marcos3000

        20 de maio de 2012 at 23:04

        genesis não é superior nunca, so no brasil a "ruindai" e marca premiun.

        • Alesr50

          20 de maio de 2012 at 23:52

          Lá fora genesis…dá trabalho para os "premiuns" sim viu…

          • lsm300c

            21 de maio de 2012 at 10:03

            Só que lá fora o genesis custa 7% a mais que o azera e aqui custa quase o dobro.

          • Landrutt

            21 de maio de 2012 at 11:13

            Claro que dá trabalho, custa bem menos que os concorrentes tradicionais – leia-se alemães. Aliás, todos os Hyundais são assim, custam menos que os outros carros equivalentes. Só no Brasil é que se vê Hyundai como marca de luxo, lá fora é carro de pobre ou emergente social tido como mão de vaca, que preferiu economizar uns trocados a pegar um carro melhor.

          • Diego

            28 de maio de 2012 at 14:06

            Fiquei 4 meses nos EUA e devo ter visto 1 ou 2 Genesis na rua em todo esse tempo. 300C chovia em tudo que é lugar. Acho que não dá muito trabalho não.

  7. Diana Aquino

    20 de maio de 2012 at 14:47

    Com esse tamanho era pra ter um porta malas de 800l mas, as caixas de rodas consomem todo o espaço. Só cabe uma mala grande ai e pronto.

  8. Dallossi

    20 de maio de 2012 at 14:55

    Gosto mais do desenho anterior, acho mais marcante, mais imponente, mas continua sendo um espetáculo.

  9. Bruno

    20 de maio de 2012 at 15:16

    Bom preço, mas prefiro a nova BMW 328i pelo mesmo valor!!! É menor mas é muito mãos carro!!!

  10. Alexandre Santos

    20 de maio de 2012 at 15:30

    Se eu fosse mafioso esse seria “o carro”. Mais mafioso impossível! :)

  11. Wellington_L

    20 de maio de 2012 at 17:11

    Caríssimo…, claro… No entanto, uma boa e racional alternativa em relação ao modelo Hyundai Genesis, por exemplo…

    P.S.: Esse sedã executivo poderia ter desembarcado com rodas um pouco mais sofisticadas, apesar disto ser um problema de fácil solução.

    • Paulo_Freire

      20 de maio de 2012 at 23:44

      Questão de piso. Ele poderia vir com rodas de 20', mas comofaz no nosso piso? Os aros não são pequenos, o carro que é grande, e os pneus tem perfil alto.

      • Wellington_L

        21 de maio de 2012 at 0:35

        E não estava explanando sobre dimensões e sim sobre o desenho e a simplicidade do material – não que este seja ruim…, é claro.

        • Paulo_Freire

          21 de maio de 2012 at 7:16

          Nesse caso, é verdade, acho que reaproveitaram justamente os aros do anterior… Pena.

  12. murilo

    20 de maio de 2012 at 17:17

    Infelizmente ele tem que ser caro pela concorrencia e o fator novidade mas acredito que deva baixar bem uns 5mil reais daqui a uns meses e com o lançamento do v8 deve baixar ainda mais

  13. rena587

    20 de maio de 2012 at 18:25

    Se fosse o v8 por 180mil até tava razoável.

    • Eduardo Bertoni Filho

      20 de maio de 2012 at 19:02

      O V6 tem mais tecnologia embarcada que o V8. Anda um pouco menos mas gasta muito menos e tem um cambio bem mais moderno. Também não concordo com o preço, mas se tu comparar com o Hyundai Genesis que seria um competidor direto, que tem os mesmos itens de série e com um motor e câmbio tão evoluídos quanto o Chrysler, ele está barato!

  14. Eduardo Bertoni Filho

    20 de maio de 2012 at 19:03

    Se comparado ao Hyundai Genesis, que seria um carro com itens de série, motorização e tecnologia embarcada próxima, está em preço competitivo!

  15. Matheus_P

    20 de maio de 2012 at 21:21

    é um carrão com um preção…

    • Paulo_Freire

      20 de maio de 2012 at 23:47

      Não está tão ruim. Pior é a Mercedes que cobra o mesmo por um carro com 120 cvs a menos, menos espaço e menos tecnologia.

  16. SP2

    20 de maio de 2012 at 22:08

    Pelo que pagamos em um Fiat Bravo aqui dá pra comprar um 300C nos Estados Unidos e se o Bravo for o top sobra até troco. Será que existe outro país no mundo que um 300C custe três vezes mais que nos E.U.A.?

  17. Brazuca

    20 de maio de 2012 at 22:50

    Os 286 cv desse carro são até demais para estradas como as do Brasil, onde o limite de velocidade é de 110 km/h em alguns trechos (na maior parte é 60 ou 80 km/h). E ele é grande e confortável mesmo.

    • Leonardo Almeida Bastos

      21 de maio de 2012 at 16:19

      As pessoas confundem cavalaria com velocidade maxima. Nao tem nada a ver. Um carro mais potente é otimo para viajar, pois com boas retomadas da pra ultrapassar com maior facilidade e segurança. O que morre de gente por ai com carro 'impotente' tentando ultrapassar não é brincadeira.

  18. marcos3000

    20 de maio de 2012 at 23:07

    esse carro é muito melhor que o genesis, hynday só e premium aqui no país dos bananas.

  19. marcos3000

    20 de maio de 2012 at 23:07

    hyundai

  20. Paulo_Freire

    20 de maio de 2012 at 23:45

    Já vi alguns desses, parece que o pessoal nem esperou até ele chegar oficialmente. Em tempo, os que eu vi eram brancos, lindos, diga-se de passagem.

  21. Herumor_

    21 de maio de 2012 at 8:54

    carro de político com verba pública em 3, 2, 1…

  22. @igor_fred

    21 de maio de 2012 at 9:07

    carrão, visto que o passat CC no Brasil esta na casa dos 200.000 mil, o antigo ainda.
    compensa mais esse.

  23. ale_das_auto

    21 de maio de 2012 at 9:43

    Muito bonito, mas pena que perdeu quela cara felina que acho tão bonita.

  24. julio

    21 de maio de 2012 at 10:26

    LINDO ESSE CARRO, PENA O PRECO SER TAO ALTO AQUI NO BRASIL.(IMPOSTOS + MARGEM DE LUCRO)+ CUSTO BRASIL+ CORRUPCAO+ROBALHEIRA) EU COMPRARIA ESSE CARRO, SE CUSTASSE O PRECO NOS ESTADOS UNIDOS

  25. julio

    21 de maio de 2012 at 10:32

    COM A GASOLINA BRASILEIRA DEVE FAZER 1KM COM 1 LITRO, KKKKKK

  26. julio

    21 de maio de 2012 at 10:34

    COMPRARIA ESSE CARRO, SE FOSSE O MESMO PRECO QUE EH VENDIDO NOS ESTADOS UNIDOS E COLOCAR A GASOLINA DE LAH, AKI NO BRASIL PRECO( CORRUPCAO+ ROUBALHEIRA+ IMPOSTOS+CUSTO BRASIL+PT+ETC) KKKK, FICA MUITO CARO

  27. Jorge Augusto

    21 de maio de 2012 at 11:01

    Vamos esperar…
    Com a atual realidade pela qual passa o setor automotivo, MUITA coisa vai mudar até metade de 2013.
    Lançamentos, tributos, lucros…

    Do jeito que está, as revendas vão tomar mais choque ainda e a festa dos lucros está acabando! Ou abaixa ou fecha.

  28. Lucas

    22 de maio de 2012 at 9:49

    Que te ouçam, Jorge Augusto… Esse Chrysler chegou no Brasil com o preço de 140.000,00, era conhecido com papa-Omega, pois custava o mesmo preço na época e era muito mais carro que o modelo da Chevrolet. Só que com nosso governo que só quer ver a infelicidade do Brasileiro… Esse aumento ridículo de IPI nos carros, está um absurdo. Eu vou me contentar em trocar meu Corolla 2010 pelo novo Fusion ano que vem, se o Chrysler tivesse no seu preço original de R$140.000,00 eu consideraria gastar mais por um carrão, mas a 180.000,00 eu nem considero.

  29. LorenzoO

    9 de junho de 2012 at 1:28

    Mas vale a pena gastar tanto por um carrão desses, sem falar qui é um Chrysler 300c…

  30. Paulo_Freire

    21 de maio de 2012 at 7:17

    Não necessariamente, questão de necessidade. Se você quer se mostrar pegue o Evoque, o Camaro é totalmente non-sense, quem ficaria em duvida entre um esportivo e um sedan?

  31. Lucas

    22 de maio de 2012 at 10:48

    Pois é showman, o Camaro está 199.900,00 agora. Não dá mais. O Chrysler 300 custava originalmente 140.000,00 e o Camaro 185.000,00, mas já era. Ao menos a GM não aumentou tanto o preço do seu esportivo (relativos o aumento de 30% do IPI).

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>