CARPLACE

Novo 4×4 nacional: Jipe TAC Stark chega oficialmente por R$ 98.780

Tac Stark 4x4

Após apresentar o modelo no Salão do Automóvel no ano passado e levá-lo para testes off-road na edição deste ano do Quatro Rodas Experience em Interlagos, a fabricante nacional TAC (Tecnologia Automotiva Catarinense) de Joinville – SC, informou que as primeiras 25 unidades do novo jipe Stark 4×4 começam a ser entregues nesta segunda-feira (14). O preço final do modelo é R$ 98.780.

Tac Stark

O Stark conta com tração 4X4 e é impulsionado pelo motor de 2.3 litros turbo-diesel de 4 cilindros fornecido pela FPT Powertrain Technologies. Este motor gera 127 cv de potência e torque máximo de 30,6 kgfm de torque. A suspensão é independente, e as rodas de 16 polegadas, são calçadas com pneus de uso misto (50% terra e 50% asfalto). O TAC Stark também conta com bloqueio de diferencial no eixo traseiro.

TAC Stark

O novo jipe nacional vem série equipado com direção hidráulica, ar-condicionado, vidros, travas e retrovisores elétricos, farol de neblina e volante com regulagem de altura. Como itens opcionais, a TAC oferece GPS, snorkel, guincho, faróis auxiliares e cinto de segurança de cinco pontos.

Tac Stark 4x4

No mercado nacional, o TAC Stark concorrerá com o Troller T4 e o Mitsubishi Pajero TR4. Carlos Eduardo Simal da Costa, gerente de pós-vendas e qualidade da marca, até cita o modelo como uma opção intermediária entre os dois: “Na verdade nós acreditamos que o Stark fará parte de um novo segmento no país, que oferece um produto off-road como o Troller, com o conforto e o estilo de um Pajero TR4. Nosso jipe fica no meio desse caminho”, disse.

Tac Stark 4x4

Publicidade

103 comentários

  1. Luiz

    15 de dezembro de 2009 at 13:13

    Acho ótima a iniciativa mas o preço vai inviabilizar um possível sucesso a médio e longo prazo.

    Por uns 50mil com um motor 1.6/1.8 flex, quem sabe animaria jipeiros de final de semana …

    Talvez salgaram o preço por terem pouca capacidade de produção … no intuito de vender pouco …

  2. Josemar

    15 de dezembro de 2009 at 13:35

    100MIL??? TEM MALUCO PRA TUDO…O GOVERNO TEM QUE CRIAR VERGONHA NA CARA E DAR APOIO A PROJETOS NACIONAIS, FORTALECENDO E VALORIZANDO NOSSO POTENCIAL, POSSIBILITANDO UM PREÇO ACESSÍVEL E COERENTE, BAIXANDO OS IMPOSTOS PARA QUE ESSE TIPO DE PROJETO DÊ CERTO …PRA MIM É JIPE PRA 40MIL, TÁ TODO MUNDO FICANDO DOIDO…O PREÇO DOS AUTOS É UM ABSUDO NO NOSSO PAÍS, MUITOS ROUBOS, DESVIOS DE DINHEIRO PÚBLICO, FAZEM COM QUE O PREÇO DAS COISAS SEJAM EXAGERADOS…E CONCORRENTE DO TR4??? COMO ASSIM, SE O TR4 TEM PREÇO INICIAL NA FAIXA DE 65MIL…ABRAÇO E ÓTIMA SEMANA PRA TODOS. JOSEMAR/FLORIPA

  3. PVC

    15 de dezembro de 2009 at 14:54

    Kaleb,

    foi um erro meu mesmo, li a matéria com pressa e sai, por isso ñ tive a chance de corrigir depois. Bom, o gerente de marketing vai mesmo exaltar a concorrência com o intuito de destacar seu produto, é estratégia de marketing. E eu ñ fui incisivo, na verdade eu perguntei pq ñ entendi direito, foi outro paticipante que disse que por 98 mil levava-se um carro sem cinto de 3 pontos.

    João,

    o problema citado por ele, provavelmente foi por confusão entre carros de mesma marca, quem tem problemas graves [que eu saiba] são as L200 e Pajero [as antigas, a Triton e a Dakar eu ñ sei] que esquentam fácil e rápido, péssimo p/ um carro que foi feito p/ enfrentar atoleiros e dunas.

    • DORO

      30 de março de 2013 at 19:59

      NAO DEVEM CONFUNDIR ESPINGARDA DE CAÇAR ROLINHA COM BOLINHO FRITO NA CAÇAROLINHA.
      JEEP PARA QUE ENTEDE DE FORA DE ESTRADA ,LAMA , PEDRA, VALA TRACA DE OLEO ETC.ETC. ETC.
      AUTOMOVEL, 4X4 (HILUX E OUTRAS) OTIMAS PARA PASSEAR , COTEGORIA TURISMO NÉ

  4. Kaleb Aurich

    15 de dezembro de 2009 at 14:29

    PVC, acho q os seus comentários nesta matéria em especial estão um tanto polêmicos. Tanto q até o nosos amigo Jeff Craig viu uma grande gafe sua.

    Não fui eu q disse q a Pajero TR4 tinha conforto, só disse q ñ dá pra ocmparar. Por favor, leia o que disse o gerente de marketing da própria TAC:

    “Na verdade nós acreditamos que o Stark fará parte de um novo segmento no país, que oferece um produto off-road como o Troller, com o conforto e o estilo de um Pajero TR4.”

    Quem disse qeu o TR4 é confortável foi o próprio cara da TAC. Só não acho q dá pra falar isso pq o Stark é uns 30 mil mais caro q o TR4. Como o Riba disse se é intermediário tem q teru m lpreço entre eles e não acima deles.

    Concordo q o TR4 possa ser pequeno e ter tds os seus problemas (mas lembre-se q lançaram o modleo 2010 com diversas mudanças), mas acredito q o conforto citado aí seja o acabamento q deve ser melhor q o plástico rígido da Fiat, não?

    Vc falou com uma certeza e propriedade questionáveis. Tente ser menos incisivo, ngm é dono da vdd. Eu msm falei q n entendo mt desse segmento, mas não deveria ter sido tão forte asism nas suas afirmações pq vc desmerece (sem sentido) os outros qnd se dirige diretamente a eles.

    Mas td bem, segue o debate…

  5. Leoanrdo costa

    15 de dezembro de 2009 at 14:31

    O carro deve ser bom, mas acho que precisam reavaliar o preço final, que seria na casa dos 70.000,00,já era bem pagos para o que o carro oferece. Nao compraria.

  6. lucas

    15 de dezembro de 2009 at 14:55

    gostaria de saber se o stark e da fiat?

  7. João

    15 de dezembro de 2009 at 15:35

    Kaleb, peraí, TR4 com todos os seus problemas? Olha, não vejo grandes problemas no TR4 não. Vejo problemas sim no bando de ignorantes que quer levar 5, 6 pessoas num jipe feito para encarar estradas de terra. Se o TR4 fosse tão problemático assim, não estaria no mercado todo esse tempo em que ele está, já teria saído de linha há muito tempo. E até que pelo preço que ele custa e pela quantidade pequena de concessionários MIT, ele vende muito bem. Mas voltando à TAC, se liguem, a TAC não pretende produzir carros populares. O negócio dela é investir num segmento novo sem precisar ser popular, é carro de nicho. Ninguém vai produzir um carro desse tamanho pensando em vender tanto como Tucson ou EcoSport.

  8. Mario R

    15 de dezembro de 2009 at 15:54

    Bonitinho, mas ordinário!! Muito caro!

  9. Fernando

    15 de dezembro de 2009 at 16:44

    Aprecio muito as pessoas que tem iniciativa e isso é o que a TAC teve! Ao invés de só reclamarem tentem entender qual é a finalidade do Jipe TAC Stark, esse é um automóvel de nicho como alguns disseram, ele não foi feito para 98% das pessoas que comentaram aqui, é um carro off – road , foi feito para andar em situações difíceis e não para você levar sua família e o cachorro ao shopping domingo, quanto ao interior pergunte a qualquer jipeiro que ele te responderá que quanto mais simples melhor e vejo que esse modelo oferece ate muito” ar-condicionado, vidros, travas e retrovisores elétricos” que para mim não passam de perfumaria para um carro que tem como destino lama, pedra, água e o que estiver pela frente. Já quanto ao preço acredito estar na média, ou vocês acham que para criar um carro novo se faz com 100 mil, óbvio que não, e por este valor esta se levando um carro de mecânica (e não tecnologia) muitas vezes superior a qualquer carro de outras categorias uma vez que um carro off – road tem que ter uma mecânica robusta para agüentar tamanhos esforços. Então façam um esforço para entenderem qual a finalidade do carro antes de somente criticarem o que se vê muito aqui!

  10. Rafael

    15 de dezembro de 2009 at 17:58

    Eu quero 27 por favor

  11. Kaleb Aurich

    15 de dezembro de 2009 at 18:20

    João, eu disse em referência ao PVC, como se fosse “mesmo que tenha tds os problemas citados por vc”. Talvez tenha usado erroneamente a palavra “concorde” qnd deveria ter usado “entendo”, mas eu não quero condenar nada nem ngm. Não conheço essa categoria mt bem, como já disse 2 vezes, não sei se o carro é bom ou ruim.

    Apenas quis fazer um comentário sobre os argumentos que o funcionário da TAC usou e dps responder ao PVC sobre o q ele falou, o que eu disse baseado no q eles disseram e não deveria ser usado como uma opinião geral e embasada, mas pelo visto causou mt confusão. Sem mais! Hehe

  12. Nero

    15 de dezembro de 2009 at 18:49

    eu qria sabe onde q se posiciona a placa diantera???

  13. marcelo campo

    15 de dezembro de 2009 at 19:53

    depois querem que a gente tenha marcas 100% nacionais, como?

  14. Jvictor

    15 de dezembro de 2009 at 20:29

    100 mil reais, kkkkkkkkk ainda bem que é um fabricante nacional.

  15. PVC

    15 de dezembro de 2009 at 20:43

    Uma coisa que eu notei, no Amarelo o escapamento sai do para-lama esquerdo, já no Verde sai embaixo do para-choque traseiro, alguem poderia explicar isso? No Amarelo a posição do escapamento está própia p/ um carro que vai enfrentar um trecho alagado mas é uma posição estranha por se tratar de um carro Diesel.

  16. Silvio

    15 de dezembro de 2009 at 21:06

    Também ficaria com uma Pajero TR4 ou Troller, que considero bem mais bonitos e com maior número de concessionárias, o que ajuda. Mas fico feliz de ver uma montadora nacional iniciando suas atividades. Se Deus quiser, muito em breve veremos mais opções de carros nacionais de marcas nacionais rodando por aí e divulgando nosso país mundo a fora.

  17. August

    15 de dezembro de 2009 at 21:08

    Amigos:

    Claro, estamos diante de uma produção em pequena escala. A empresa vai entregar 25, e não 25.000.000 de automóveis. Existe a chamada Economia de Escala. Os custos do desenvolvimento e produção são muito altos. Carros “Artesanais” não podem competir com grandes Indústrias. É quase uma aventura. Se houver a intenção de se fixar como uma montadora, assim como com muita seriedade fez João Gurgel, ocupar um nicho, é preciso incentivo, apoio, de Governo e Investidores.

    A Revista Quatro Rodas de Julho de 2009 trouxe uma matéria muito interessante sobre a idéia de empresários do sul do país, sem experiência no ramo, em criar o jipe Stark. É preciso destacar que é extremamente difícil projetar, desenvolver, construir, vender e posteriormente assistir um automóvel. No ponto em que está, já considero estas pessoas vencedoras. Parabéns ao seus criadores.

    Obrigado

  18. Filipe Augustus

    16 de dezembro de 2009 at 1:47

    Ehhh, não por nada não…Sem querer ser chato mais já sendo.
    mais por esse preço eu vou de Troller e ainda me sobra uma boa grana…
    Ou por 3 mil a menos eu compro um Jeep Wangler…
    =D

  19. dga

    16 de dezembro de 2009 at 5:21

    R$98000,00?????????????????????????????????????????????????????????????Com esse dinheiro eu compro um Hyundai Santa Fé p/ andar na cidade e ainda me sobra um “troco” p/ comprar uma bicicleta p/ fazer trilhas.

  20. JT 01

    16 de dezembro de 2009 at 8:03

    Eu sou um dos últimos a reclamar de preços, mas 100 mil é preferível comprar um Troller, um Defender semi-novo, um Wrangler, uma L200 Savana que já vem 100% pronta para qualquer trilha sai por 84.000,00 e é um Mitsubishi… Não venderá muito.. quando se é novo tem que baixar a bola… independente de fazer 25 mil ou 25 carros…

  21. JGG

    16 de dezembro de 2009 at 12:20

    Acho ótimo e parabenizo a iniciativa da empresa. Se todos os empresários tivessem a coragem destes investidores faríamos muito mais.
    Só que quem vai dizer se o produto vai ser um sucesso ou não, vai ser o mercado… e não a história de sofrimento que vem por trás. E o fato é que comparando a dois produtos já no mercado… O Stark vem como menos tecnologia embarcada, menos motor e ainda por cima mais caro.
    Vai ser muito difícil crescer assim… Lembrem-se que o Troller sempre teve atributos na sua faixa de preço que os demais concorrentes não tinham e quase foram a falência… Acho que para o Stark, faltam atributos que realmente façam a diferença na hora da compra…

  22. Sergio

    16 de dezembro de 2009 at 13:39

    Agora só falta achar uns loucos para comparem um carro desses.

  23. Fernando

    16 de dezembro de 2009 at 14:13

    PEDISSEM LOGO 200 MIL, pra pagar 100 tem que ser tão otário quanto pagar 200… 60 conto tava bem pago nessa jaca, ainda mais com o troller a 78.000 agora… sem noção!

  24. Alcides

    16 de dezembro de 2009 at 21:11

    Fico com pena dos “Barrigas verdes” (Catarinenses) porque esse carro vai encalhar como o CROSS LANDER….
    Não existe segredo nem milagre:
    É só vender barato que ganha o mercado (exemplo Hyundai)

  25. João

    17 de dezembro de 2009 at 10:59

    Alcides, não sei você já pesquisou um pouquinho, mas esse carro já tem fila de espera para ser comprado. Acho que é melhor você rever seu conceito sobre carros, ou, quem terá pena de você, serão os barriga-verdes!

  26. Felipe

    19 de dezembro de 2009 at 1:55

    A maioria não tem dinheiro nem pra comprar um Uno 0 km e reclama do preço do jipe da TAC. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Brasileiro realmente é um povo com senso de humor.

  27. Leno

    31 de dezembro de 2009 at 19:23

    O carro ta realmente bacana, mas o preço, infelizmente inviavel. Parabens aos catarinensees da TAC, é bem verdade que precisa ser muito macho pra fazer o que vcs estào fazendo. Sucesso.
    Ae ooo Lulinha “filho do braZil”,vamo proucurar incentivar e proporcionar as iniciativas nacionais.
    Abraço

  28. PETER

    6 de janeiro de 2010 at 12:56

    QUE CARRO ESTRANHO PREFIRO UM ASTRA QUE É MAIS BARATO MUITO LOKO

  29. PETER

    6 de janeiro de 2010 at 13:03

    Q CARRO ESTRANHO PREFIRO UM ASTRA

  30. vigor mad

    10 de janeiro de 2010 at 17:05

    O Carro podia ser “MENOS”…mais modesto, com itens de segurança de série, MAS a um preço compatível..e/ou competitivo…assim fica difícil…é só prá jipeiro MUITO RICO que não se importa em gastar…mas quem tem din din …gosta de griffe…então as vendas encalharão, Sra TAC, mas como sou de SC.ainda tenho que reconhecer a aplaudir a iniciativa…e a conquista da execução desse PROJETO nacional e vamos torcer e aguardar por novos lançamentos.PARABENS!

  31. Patricinha

    11 de fevereiro de 2010 at 17:42

    MUITOOO LINDOOOOOO

    e ta com um preço OTIMO

    ADOREIII !

  32. William

    23 de fevereiro de 2010 at 22:21

    O carro é show de bola na trilha, mais compacto que o T-4 e mais seguro por ter uma estrutura tubular
    na carroceria (gaiola), os componentes ficam bem embutidos no chassi e a suspensão independente
    permite que o condutor a passe por obstáculos sem esbarrar o fundo, ja a carroceria favorece a prática off-road devido a facilidade de retirar os p.lamas,ângulo de entrada, saída e distância entre eixo ótimo, e a relação de redução muito boa, além do mais já esta chegando muito melhor que os primeiros Troller que surgiram em 97/98. Andei e gostei muito, vcs vão se dar bem, boa sorte!
    devido aos seus para-lama de encaixe

  33. Amilton Raupp da Rosa

    4 de março de 2010 at 16:45

    SOU DE SC,AMO MEUS ESTADO, MESMO ASSIM ACHO CARO.
    MAS ESTA MARCA TEM SORTE, PORQUE O BRASILEIRO GOSTA DE CARROS E É O PAIS QUE TEM UMA GRANDE DESIGUALDADE SOCIAL, ISTO É TEM JENTE QUE ACHA CARO ,MAS TEM QUEM COMPRA SEM RECLAMAR.

  34. rony

    9 de janeiro de 2011 at 18:39

    Acradeco a Deus por nao permitir que pessoas como estas acima que criticam e fazem piadinhas de uma empresa 100 nacional nao estavam criando opinioes na epoca em que grandes empresas Como "Vale do Rio Doce" Embraer Petrobras e outras estavam sendo formadas….Go ahead Let the Gringos take the profit No final qual sera o teu retorno mesmo?

  35. Adriano

    20 de janeiro de 2011 at 10:14

    MINHAS ARMA!!!!!!! 100 CONTOS????? DÁ- LHE TROLLER….ELE NAO FICA BONITO NEM COM A JULIANA PAES DENTRO….REFORMARAM O FUSCA BAJA????

  36. leo

    5 de fevereiro de 2011 at 21:00

    Carro lindo, gostei da saida do escape no paralama, bem acima do nivel normal, gostei do guincho bem colocado , os dois amortecedores trazeiros, angulo de entrada e saida, carro muito bom, apenas colocaria um motor com mais potencia, mas está de parabens a empresa. Sucessos.

  37. lucas vargas

    27 de março de 2011 at 4:07

    TERRIBLE !!! uma pessoa pra comprar isso em vez de um troller, que além de tudo é mais barato só pode estar louca,além do mais o preço é absurdo!!

  38. Miguel

    18 de abril de 2011 at 9:54

    Conheço o carro, tem um bom conjunto mecânico, parece mais um carro de rally do que um jipe propriamente. Gosta da idéia de ter um concorrente para o Troller, mas sinceramente esperava um preço mais baixo, ainda mais por um carro que está em fase experimental. O visual á agradável, acho que esses carro estão muito caros, não só o da TAC, mas o troller, tr4, etc. Vai ver que é por conta da mecânica fiat que ficou cara demais (explico: como a FIAT tem a cara de pau de cobrar quase R$ 70.000,00 em um ideia ou doblô?)

  39. rogério mello

    29 de maio de 2011 at 20:40

    100 paus? kkkkkkkkk
    Prefiro um troller, ou um Land 90, por 124.000,00 mas um Land Rover, com concessionárias no MUNDO INTEIRO e com ampla aceitação e credibilidade…
    Mas num país que pago 28.000,00 num Mille pelado, dá pra acreditar em qualquer coisa!!!!

  40. antnio

    25 de setembro de 2011 at 21:54

    porisso que santo de casa não fas milagre.um carro nacional mas caro que um importado.
    desse presso prefiro um um tr4x4

  41. Bassetto

    11 de janeiro de 2012 at 14:26

    Eu fiz um teste drive e perde em tudo para o troller, não tem motor, 127 contra 163, eles fizeram uma mistura de motor caixa e diferencial, não tá bem acertado, e no preço então, não vale mais do que 50.000.00.
    Alguma coisa está errada na TAC,

  42. Aristides

    12 de janeiro de 2012 at 17:13

    Tava querendo comprar um, mas um amigo me falou que da muito problema de omocinetica e não pode molhar, acho que vou ir pra pajero

  43. Danilo

    20 de abril de 2012 at 16:48

    Até achei bacana o jipinho… Mas não pagaria mais que 50 mil!

  44. DORO

    26 de abril de 2013 at 20:16

    tac um jeep para que entende de jeep , para jipeiro nemum botar defeito.

  45. DORO

    26 de abril de 2013 at 20:24

    para ser jipeiro nao basta comprar um jeep tem que ter um TAC.
    TAMBEM É PRECISO PASAR PELA GALOPEIRA , CACHORRO LOUCO ( TRILHAS EM MG)

  46. gabriel

    25 de janeiro de 2014 at 7:24

    ]

    o carro e bonito mas o preco nao e o adquado para esse tipo de carro que compite com a variante e fusca de off road kkkkkkkkkkkkkk 100 mil compro um jetta e sobra troco para comprar um golzinho g6 pra dar pra prima kkkkkk brasileiro e assim mesmo e so ter uma idea boa q ja quer dar de esperto financeiramente.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>