Hyundai i30 CW já está à venda com preços entre R$ 59 mil e R$ 78 mil

Hyundai i30 CW

Com poucos concorrentes no mercado brasileiro, a Hyundai inicia oficialmente a comercialização do i30 CW. A versão station wagon do i30 chega com o mesmo motor de 2.0 litros de 145 cv de potência e câmbio manual de cinco marchas ou transmissão automática de quatro velocidades. O preço inicial é de R$ 59 mil.

Hyundai i30 CW

De série, o Hyundai i30 CW conta com airbag duplo, ar condicionado, computador de bordo, piloto automático, faróis de neblina, freios ABS, rodas de liga leve de 17 polegadas e sistema de som com MP3/entrada para iPod com comandos no volante. O diferencial está na capacidade do porta-malas: 415 litros de bagagem.

Hyundai i30 CW

A garantia também é de cinco anos sem limite de quilometragem. A versão equipada com câmbio manual do i30 CW, a GLS 2.0, tem preço anunciado de R$ 59 mil. Já a versão equipada com câmbio automático, tem preços que variam de acordo com a configuração escolhida, sendo eles R$ 64 mil, R$ 67 mil, R$ 74 mil e R$ 78 mil.

Fonte: Divulgação Hyundai

Publicidade

11 Comments

  1. nuno_fig

    17 de julho de 2010 at 13:16

    Horrorosa essa traseira.
    R$78K por essa gambiarra? Estao achando que são marca premium…só aqui mesmo. Em qualquer lugar do mundo é marca de carro barato.
    O Hyundai não tem avanços eletrônicos, nao tem sistema de entretenimento, material é de uma qualidade regular….
    O que esse carro tem para custar R$78K?

    • Wellington_L

      17 de julho de 2010 at 15:21

      R.: Impostos e Velhacos.

  2. Wellington_L

    17 de julho de 2010 at 16:29

    Pergunto aos colegas, qual perua vocês levariam para casa com cerca de R$ 60 mil disponíveis em suas contas bancárias?

    1. Hyundai i30 CW;
    2. Renault Mégane Grand Tour;
    3. Volkswagen Space Fox.

    • jose monteiro

      23 de janeiro de 2011 at 13:13

      hyundai i30 CW automática

  3. Palmeira

    17 de julho de 2010 at 21:49

    Parabéns Hyundai pelos produtos colocados a venda no Brasil.
    Assim vocês fazem com que a concorrência trate o consumidor com mais respeito.

  4. dmt

    21 de agosto de 2010 at 19:17

    Fui conhecer o carro numa concessionária e para minha surpresa estão cobrando R$68.000 na versão básica. Maior surpresa ainda foi saber que nem a versão de R$78 mil inclui bagageiro!!! Esses aí que estão na foto, lá no exterior vem de graça, aqui vc tem que pagar por isso.

    Acho isso uma grande falta de respeito com o consumir, uma VERGONHA!!! Cobram caro e ainda tiram coisas que na concorrência vem grátis. Vou comprar uma Megane GT mesmo.

  5. Pinto

    20 de dezembro de 2010 at 21:28

    Ao dmt, é vc tem ate fundamento no que diz, mas lembre-se vc esta comparando um hyundai com um renault, ou seja é ate um desaforo fazer isso, renault é porcaria cara.

  6. André-Ponta da Praia

    6 de fevereiro de 2011 at 16:16

    Adorei o carro. Já tinha um na versão hatch e decidi comprar a versão "CW". Nota 10.

  7. JNW

    7 de fevereiro de 2011 at 21:10

    OLÁ AMIGOS, O I30CW SUMIU. SERÁ QUE VOLTA ÀS REVENDEDORAS OU DEVO PROCURAR OUTRA MARCA/MODELO?

    EM FLORIPA, NEM PRA REMÉDIO SE ACHA EM REVENDEDORA ALGUMA.

    ALGUMA NOTÍCIA A RESPEITO?

  8. tequila

    21 de fevereiro de 2012 at 8:23

    49 ta muito bem pago.

  9. Marcos Santos

    24 de fevereiro de 2012 at 20:29

    Na boa, comprei a adorei, na epoca fui ver os compativeis, exemplo, Gran tour, saiu de linha e vem com motor 1.6, C4 NÃO VALE A PENA, na minha CW consegui um preço muito bom 56k, por uma marca que se consolidou no Brasil e já desbancou a Honda e Toyota. Com um acabamento impecavel e com um conforto e tecnogia embarcada de Volvo X60, vai ser bem dificil não cair no gosto dos brasileiros.
    Aqui em Floripa tem um bocado de CW e as pessoas que tem não querem pensar em outra marca.
    Parabens Hyundai.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>