Honda City brasileiro é lançado na Argentina por R$ 34.800

Honda City

O Honda City fabricado no Brasil está sendo lançado na Argentina com mágica. Assim como o mercado brasileiro, a versão de entrada é a LX com câmbio manual. A novidade (mágica) é que o carro é oferecido aos argentinos com preço inicial de 20.100 dólares, o que atualmente equivale a R$ 34.800.

Honda City

A versão de entrada é idêntica à oferecida por aqui, a qual conta com airbag duplo de série, rodas de 15 polegadas e não conta com freios ABS.

A versão EXL com câmbio manual chega à Argentina por 23.900 dólares (R$ 41.418) e entrega de série os airbags duplos, freios ABS, faróis de neblina e rodas de 16 polegas. A mesma versão com câmbio automático e aletas para troca de marchas no volante custa 25.500 dólares (R$ 44.191).

Honda City

No Brasil, a tabela de preços do Honda City é a seguinte:

SUL, SUDESTE E CENTRO-OESTE

Honda City LX MT Flex: 56.815,00
Honda City LX AT Flex: 60.655,00
Honda City EX MT Flex: 62.315,00
Honda City EX AT Flex: 66.155,00
Honda City EXL MT Flex: 66.080,00
Honda City EXL AT Flex: 71.860,00

NORTE E NORDESTE

Honda City LX MT Flex: 58.075,00
Honda City LX AT Flex: 61.820,00
Honda City EX MT Flex: 63.530,00
Honda City EX AT Flex: 67.285,00
Honda City EXL MT Flex: 67.215,00
Honda City EXL AT Flex: 73.085,00

Publicidade

200 Comments

  1. Durangaba

    6 de novembro de 2009 at 13:28

    Alguns comentários falam sobre a atitude que pode ser tomada diante desse disparate.

    O primeiro passo é a divulgação dos fatos para o maior número de pessoas.

    Assim vai ser possível criar uma ‘onda’ na opinião pública contra esses preços absurdos.

    Algumas montadoras, as mais novas certamente, que precisam ganhar mercado, poderão passar a praticar preços mais justos(vejam os preços das coreanas ou, até mesmo, o preço do Agile, completo e abaixo dos 40mil).

    Qto. aos impostos, as mudanças são mais complexas porque envolvem o Estado e todos sabem do poderio econômico das montadoras e o reflexo disso junto aos políticos e suas campanhas.
    Mas se as montadoras tem o dinheiro, nós temos os votos!

  2. HERMANE

    6 de novembro de 2009 at 16:19

    Alguém sabe por quanto tempo uma pessoa pode passar com carro argentino no Brasil? Ex: compro um carro na argentina e venho para o Brasil…existe um prazo limite ou não? Por favor, quem for da região sul que faz divisa com a argentina, me tire esta duvida. A galera do sul compra carro na argentina e anda tranquilamente no Brasil?

  3. Alexandre

    6 de novembro de 2009 at 17:19

    Por quê o brasileiro não consegue deixar de comprar um carro OK somente por um mês!!! Lembram quando estávamos no começo da crise.O IPI sumiu para alguns modelos,outros foi cortado pela metade.É só diminuir as vendas que o governo tem que se mexer juntamente com as montadoras.O carro acima é o mesmo do Brasil,duvido que a Honda coloque mais lucro aqui dentro.Na minha opinião são os impostos mesmos que estão nos matando!!! Vamos tentar,não temos nada a perder.

  4. Bruno

    6 de novembro de 2009 at 17:38

    ehheehe, brasil………….

  5. Cristiano

    6 de novembro de 2009 at 18:08

    Nelson disse: “o governo tira proveito e cobra por um carro valores duas três veses mais que qualquer outro país do mundo..é isso aí lula!!”

    Esse aí viajou na mainese. O que você anda tomando meu velho? Eu quero pra mim também!

    Talvez você não saiba, mas o governo não vende carros! E muito menos tabela os preços dos mesmos. São as próprias montadoras que decidem por quanto vender seus automóveis. Você não sabia disso?

    Se a moda pegar, daqui a pouco aparece um ambientalista lunático dizendo que o aquecimento global é culpa do Lula. :o)

  6. Cristiano

    6 de novembro de 2009 at 18:14

    Alexandre disse: “duvido que a Honda coloque mais lucro aqui dentro.Na minha opinião são os impostos mesmos que estão nos matando!!!”

    Meu velho, como você mesmo disse, isso é apenas a SUA opinião. Pena que nós brasileiros não costumamos pesquisar muito antes de formar e emitir as nossas opiniões. O fazemos com base em achismo.

    Disse e repito. A QR publicou matéria onde as contas foram feitas, subtraindo-se o valor dos impostos e constatou-se que efetivamente as margens de lucro no Brasil são maiores. Isso é fato. Não é questão de opinião!

    Ou será que a Kia, por exemplo, está fazendo caridade quando traz o Cerato, um sedã médio, do outro lado do mundo, paga 35% de imposto de importação (fora o frete), e vende a versão top por menos de $60 mil? Claro que não. Ela está tendo lucro sim! Então explique o City top, um sedã compacto fabricado no Brasil sendo vendido por R$72 mil?

    O pior cego é aquele que não quer ver…

  7. Marcelo

    6 de novembro de 2009 at 18:16

    Definitivamente….
    é um absurdo..
    concordo com o pessoal ai que citou o boicote…Vamo fica sem compra carro zero…Quero ver se eles vão preferir abaixar os preços ou deixar o pátio cheio…
    Podiamos começar uma campanha grande e fazer um movimento na internet e blogs..seria legal ver a repercução e o posicionamento das montadoras.

    abrass

  8. Arnaldo

    6 de novembro de 2009 at 19:13

    72k… Aqui sim cabe o “Prefiro o Azera”! Esse engodo pra enganar trouxa é um insulto!

  9. Valzitan

    6 de novembro de 2009 at 20:44

    Vou continuar com meu usado. Deste jeito eu não aguento é uma vergonha termos que pagar o dobro que os Hermanos pagam pelo mesmo carro. Puta que pariuuuuuuuuuuuuuu.

  10. JOSÉ CARLOS DOS SANTOS.

    6 de novembro de 2009 at 21:04

    DE CERTO MODO, O FRACASSO É A ESTRADA PARA O SUCESSO, VISTO QUE TODA DESCOBERTA DO QUE É FALSO NOS LEVA A BUSCAR SERIAMENTE O QUE É VERDADEIRO, E COMO SABEMOS, NOSSOS GOVERNANTES SABEM MANIPULAR O POVO QUE POR SINAL, ACHA QUE ISSO É DEMOCRACIA. QUE SAUDADES DOS MILITARES, QUE NA VERDADE NÃO ERÁ UMA DITADURA E SIM UM GOVERNO QUE NÃO PERMITIA TANTAS FALCATRUAS, COMO HOJE SE VE TANTO NO SENADO COMO NA CAMERA , ESTADOS E MUNICIPIOS. ESTE É O BRASIL DO FUTURO.RSRSRSRSRS. ATÉ QUANDO ESTE POVO GENTIL E BOM VAI PERMITIR ISSO . L A M E N T Á V E L . QUE DEUS TENHA PIEDADE DO POVO BRASILEIRO .

  11. Marco

    6 de novembro de 2009 at 21:42

    Esse esmo carro, fabricado no Brasil, com ABS é vendido no México por R$ 25.000,00.

  12. Marco

    6 de novembro de 2009 at 21:43

    mesmo*

  13. wedson

    6 de novembro de 2009 at 22:17

    o negocio e nao compra carro novo, isso derruba as vendas e tambem os preso. so tem preso na loja , saiu de la e usado e o usado nao ta valendo quase nada. carro ta um dos pior ivestimento hoje.

  14. Fabio

    6 de novembro de 2009 at 22:26

    Enquanto o brasileiro se preocupar somente com o Futebol , cachaca , feriado . O Brasil vai continuar assim. E esse eh apenas 1 exemplo da imundice toda que acontece no Brasil .
    Isso ainda , falando em automoveis , se vermos o valor que pagamo no combustivel , tbm eh altissimo , e isso gracas aos impostos abusivos que temos nesse lixo de lugar.
    Sempre pagamos em dobro , e nada temos em troca . Nada funciona nesse Pais , nada. Nao temos nada em troca .
    Mas o brasileiro nasceu pra sofrer mesmo , e pelo jeito a grande maioria esta satisfeit com tudo isso .
    Eh dificil er brasileiro , eh dificil ser patriota .Sem o orgulho , nao temos nada.

  15. Michel

    6 de novembro de 2009 at 22:53

    Bem, a Carplace vai apagar meu comentário, mas tudo bem!

    O que acontece são dois fatores:

    1- Produto que é exportado não paga uma série de impostos.

    2- Argentino é nacionalista. Não vai pagar 20 mil a mais num carro quando sabe que este excedente (Lucro Líquido) vai ser toda enviada ao exterior (Para a Matriz) não sendo revertida para a nação.

    A balança comercial do Japão e os japoneses agradecem a nossa futilidade, sendo que devem nos achar um bando de trouxas.

  16. THOR

    7 de novembro de 2009 at 7:31

    O importante é que 2014 tem Copa do Mundo e 2016 Olimpiadas aqui no Brasil do Lula……….e rezo todos os dias pra não ser da Dilma……….toc toc toc……bater 3x na madeira nunca é demais!!

  17. JOSÉ CARLOS DOS SANTOS. - EU DE NOVO !

    7 de novembro de 2009 at 8:18

    PERMANECENDO O QUE SOMOS, NÃO PODEMOS NOS TORNAR AQUILO QUE PRECISAMOS SER, POIS LIBERDADE E A VIDA SÃO MERECIDAS SOMENTE POR AQUELES QUE AS CONQUISTAM DE NOVO A CADA DIA. E FICAMOS OLHANDO ISSO TUDO SEM NADA FAZER, ESTE É O POVINHO BRASILEIRO. ACEITAMOS TUDO CALADO, ISSO SEM FALAR NOS AUTOS SALÁRIOS DOS POLITICOS….RSRSRSRS!!! – NA VERDADE ISSO É MAIS UMA MAROLINHA COMO FALA NOSSO PRESIDENTE.- TEMOS O DIREITO SIM COM DISPOSIÇÃO DE CLAREAR E VISUALIZAR O QUE REALMENTE DESEJAMOS NA NOSSA VIDA E NA VIDA DE NOSSOS FILHOS E NETOS… JC. 2009.DC.

  18. FernandoO

    7 de novembro de 2009 at 15:21

    - Pode incluir impostos em cascata, e a conta não vai fechar
    – a margem é mais alta mesmo
    – este cenario mudaria facilmente se o consumidor rejeitasse…mas como continua comprando (este City está entre os TOP de vendas…), vai ficar por isso mesmo.

    Bom trabalho da Carplace, por colocar o dedo na ferida e fazer seu papel – conscientizar o consumidor.

    CARPLACE: meu comentario do dia 5 estranhamente foi apagado, neste post e em um outro. Vou acompanhar isso.

  19. Hodney

    7 de novembro de 2009 at 15:27

    Ainda vem os brasucas quererem gozar com a cara dos argentinos. Olha a diferença. Pelos menos eles, os argentinos, acham ótimo serem chamados de otários pelos brasucados. Enquanto nós pagamos R$ 75 mil por um modelo completo, eles pagam R$ 43 mil pelo mesmo modelo.
    Afinal que é o mais otário?

  20. Figueiredo

    7 de novembro de 2009 at 16:37

    Como pode? City a preço de Azera, de Jetta!

    Jesus me abana!!!!!

    O pior de tudo é neguinho vir aqui e botar a culpa no Lula…..
    Pelo amor da Santa da Peruca Loura!!
    Só pode ser uns desses abestalhados que saca o talão e paga mais de 70k por um City, só pode ser…..

    Faz muito tempo que somos roubados pelas montadoras e o consumidor é o culpado, paga qualquer preço para ter algo diferente do seu vizinho.

    Outra coisa, nem pensem que a midia especializada algum dia fará alguma campanha pelo preço justo, não, não, ela depende dos seus anúncios.

    Eu parei de comprar revistas de automóveis já faz muito tempo… cansei de ler reportagem fazendo a maior festa por aros cromados e fundo branco em paineis, as montadoras colocam meras firulas nos carros e as revistas repercutem como se isso fosse sinal de modernidade e tecnologia.

    Me recuso a fazer papel de otário e pagar fortuna por bibelôs.
    Quero carro de verdade, com tecnologia, segurança e economia e beleza.

  21. wedson

    7 de novembro de 2009 at 19:33

    Os escravos brasileiros fabrican , e os outros paises aproveitam , os brasileiros estão sendo tratados como escravos mesmo, só trabalho e imposto.

  22. Rodrigo Silveira

    8 de novembro de 2009 at 2:39

    Na Argentina o City é R$ 34,8 mil. http://bit.ly/fxRK8

  23. Bisinski

    8 de novembro de 2009 at 3:07

    Visitei hoje uma concessionária, e depois de conversar com outros clientes entendo porque os preços estão altos desse jeito. Galera em geral que visita é muito desinformada.

    “Esse carro (Agile) é que nem o Gol!”

    “Este é muito pequeno e a porta dele é muito pesada (Fiat 500)”

    WTF.

  24. wedson

    8 de novembro de 2009 at 10:37

    Porque os programas de tv nao mostra isso . sao comprados, a eles anucia seus comercial , entao a tv cala a boca ,nao fala nada sobre isso. tv porcaria a que nos temos. so mostra o que nao da lucro pra elas.

  25. Mario

    8 de novembro de 2009 at 11:22

    República das bananas… Los macaquitos…. A olimpiada é nossa…
    Tá na hora de acertar as contas com os nossos representantes na rua… pau neles. Meia dúzia de sopapos eles começam a ficar espertos !!!!

  26. Fábio

    8 de novembro de 2009 at 13:12

    E tem gente que ainda compra esse carro (que é muito bom, vale salientar) mas não vale 57.000 reais. Saiu há alguns meses na 4Rodas que vendedores da Honda estavam com dificuldades pra vender o City, pois os consumidores chegavam na concessionária e viam a diferença de pouco mais de 5.000 reais para um Civic, se diluir na parcela levando, obvio, este, que é muito superior.
    Essa política das montadoras no Brasil, de praticar preços extremamente absurdos e culpar tudo, somente, nos pesados impostos, já se tornou além de abusiva. É escandalosa.

  27. Treak

    9 de novembro de 2009 at 0:09

    Quem compra Honda no Brasil, tem cada vez mais cara de otários….. Mas fora avisados antes…… compraram mais caro por que quiseram aparecer.. Agora aparecem como palhaços.. heeee

  28. Luis

    10 de novembro de 2009 at 1:42

    Seu preço é alto porque é o próprio mercado de usados que faz, juntando isso a impostos e lucros das montadoras também.
    Comparando o preço de venda de um C4 semi-nono com um ano de uso pode-se perder até 45% de seu valor de 0 km, enquanto que o Civic perde 20%.
    E o City vai vender bem, apesar de caro não vai ser mico na hora da revenda assim como muitos disseram Cerato, Azera, I30 é alegria quando 0 Km e dor de cabeça na revenda.

  29. Alfabravo

    10 de novembro de 2009 at 19:59

    Na verdade nós brasileiros merecemos os apuros porque passamos, senão vejamos: Pagamos toda sorte de impostos e não vemos ou recebemos os benefícios para o qual investimos compulsoriamente nossos dinheiros. O carro é feito aqui e lá na hermana pátria com frete, impostos de exportação ainda é vendido a preço de popular no brasil(sim com minusculo, pra chamar a atenção para a vergonha). Primeiro foi o GNV estimularam tanto o consumo e depois…. Agora é o etanol, ah foi a queda da india, tinhamos que produzir açúcar, é mais lucrativo…. Tudo não passa de uma farça, de uma tramoia para que consumamos o que eles bem entendam, a lei do mercado é o sistema quem faz…Quando me recordo que um ente querido ficou revoltado com o de Gaulle por sua definição do Brasil (“…não é um país sério!!!…”), e que se arrependeu de sua revolta ao concluir, sofrendo da pele que o Francês tinha razão… A nos nos resta comprar nossos calhambeques a peso de ouro!!!!(indignado)

  30. Rodrigo Gomes

    14 de novembro de 2009 at 16:23

    Honda City brasileiro é lançado na Argentina por R$ 34.800 http://bit.ly/2uYDAF

  31. Brazzucca

    17 de novembro de 2009 at 0:44

    Como é que a montadora não mostra desrespeito?

    Mesmo carro a diferentes preços, ainda mais sendo exportação de cá pra lá, saindo pouco mais da METADE do nosso preço…?

    Sem contar que a qualidadde também deve ser melhor, de matéria-prima ás rebarbas…

    Sabem PQ? PQ o Argentino se dá ao respeito, subiu preço sem motivo aou caiu a qualidade, o produto encalha e compram da concorrência, mas o empresário brasileiro não muda isso pq conta com o boboca do brasileiro compra… seja pq é novidade, tem uma versão especial com sobrenome bonito, ou pq tem rodas de liga e para-choque na cor do veículo…

  32. Zé Victor

    17 de novembro de 2009 at 21:14

    Estava preste a comprar um honda CITY. POR felicidade minha entrei nesse site da honda. Digo com pureza d’alma, estou me sentindo ridicularizado com safadeza da politica do “nosso” governo, mesmo retirando mísero 7% do IPI esse veiculo ainda custa esse preço todo.Resolvi comprar o carro mais barato do pais, que diga-se de passagem que ainda é carissimo.

  33. Paulo

    19 de novembro de 2009 at 16:43

    Isso ae e agente entra em outros posts e a galera mete o pau em algumas montadoras ou modelos que tem bom custo beneficio (apenas bom nao que seja barato) ex. megane que ta no site da renault por 51k com air bag, abs e ebd fora o basico né ac, dh, e trio!!! ai todo mundo diz que lindo e bom é o corolla, civic ou vectra/monzão!!!!

  34. WOBLinks

    27 de novembro de 2009 at 6:43

    Honda City brasileiro é lançado na Argentina por R$ 34.800 http://woblinks.net/links/autos/43/633

  35. Samuel

    21 de janeiro de 2010 at 15:23

    E o valor do imposto???? será que lá é tão caro quanto aqui????
    Nós além de sermos enrolados pela montadora, com certeza, somos ROUBADOS pelo governo.

  36. Alex - Maceió - AL

    21 de janeiro de 2010 at 15:40

    Tá explicado pq ainda vejo corcel I nas ruas.

  37. Gustavo Gutterrez

    5 de fevereiro de 2010 at 11:46

    Honda City fabricado no Brasil chega aqui por R$58.075+ e na Argentina por ~R$34.800+. É justo? http://bit.ly/90nvgD (via @andyzeo )

  38. Rodrigo Ribeiro

    17 de fevereiro de 2010 at 18:53

    Honda City para brasileiros: a partir de R$ 56 mil. Agora me explica isso: http://tinyurl.com/ybxwl9m | http://tinyurl.com/yhkmmor

  39. LeoSarmento

    17 de fevereiro de 2010 at 20:29

    RT @madeinvix: Honda City para brasileiros: a partir de R$ 56 mil. Agora me explica isso: http://tinyurl.com/ybxwl9m | http://tinyurl.com/yhkmmor

  40. r. sotolani

    23 de fevereiro de 2010 at 0:07

    E na Argentina o Honda City custa R$ 34.800. Brasileiro é trouxa mesmo… http://tinyurl.com/ykcn2gb #TodoCastigoPraBrasileiroÉPouco

  41. Eduardo Guedes

    2 de março de 2010 at 15:16

    @marcelo_Quen na verdade esse valor é em dólar (vide matéria http://bit.ly/ce8BZC ), mas nem precisa ir, na Argentina custa R$ 34.800,00 :-P

  42. Cícero Garrozi

    10 de abril de 2010 at 23:55

    Honda City brasileiro — Preço México: http://bit.ly/6aIgWi – preço Argentina: http://bit.ly/90nvgD (preços de 2009) #custobrasil

  43. Sepúlveda

    16 de dezembro de 2010 at 10:44

    É só para quem pode, quem não pode se lamenta e inveja!

    O que difere os homens dos meninos é o preço do brinquedo!

    Se eu quero bricar eu brinco e pago o preço!

  44. jose

    30 de março de 2011 at 22:41

    pais de ladroes aqui.

  45. Ricardo

    1 de junho de 2011 at 13:57

    É fácil de resolver isso, é só mudar dessa merda desse país que só tem ladrão…

  46. Eddie

    21 de junho de 2011 at 18:16

    Todo mundo tem direito de consumir o que quiser. Mesmo o que é supérfluo. O que me deixa triste é saber que para alguns poderem comprar um carro, MUITOS nunca vão ter nem um fusca.

  47. César

    21 de janeiro de 2012 at 23:19

    El tablero de la versión EXS en Brasil tiene una pantalla grande en el lugar de la radio, que funciona como la misma, así como gps y nomitor para cámara trasera.

  48. kryx

    8 de maio de 2012 at 1:33

    Enquanto os críticos acima não conseguirem baixar o preço, vou comprar assim mesmo.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>