Chevrolet confirma Malibu no Salão do Automóvel de SP para testar mercado

Chevrolet Malibu 2009

A Chevrolet confirmou nesta quarta-feira (24/09) que o novo sedan Malibu estará no Salão Internacional do Automóvel de São Paulo, em outubro próximo. A montadora informa que o sedan será exposto para avaliação do público durante a mostra e, caso a aceitação seja positiva, ele poderá ser vendido no Brasil no curto prazo, ficando posicionado no mercado brasileiro em um segmento intermediário entre os modelos Vectra sedan e o Omega.

Chevrolet Malibu 2009

“O Malibu é um modelo com grande sucesso nos Estados Unidos e, em janeiro deste ano, foi escolhido como o “Carro Americano do Ano de 2008”. Por este motivo decidimos exibí-lo também ao público brasileiro”, informa José Carlos Pinheiro Neto, vice-presidente da General Motors do Brasil.

Chevrolet Malibu 2009

Em nota, a montadora informa que todas as versões do modelo são equipadas com airbags frontais e laterais do tipo cortina, sistema ABS, controle de tração e conectividade para telefone celular (Bluetooth®), entre outros equipamentos avançados, todos de série.

Chevrolet Malibu 2009

O Chevrolet Malibu que estará no Salão de SP virá com um motor de 4 cilindros VVT Ecotec DOHC de 2.4 litros da GM Powertrain, que desenvolve 171 cv a 6.000 rpm de potência e 22,4 kgfm a 4.400 rpm de torque.

A Chevrolet também trará a versão híbrida do Malibu, que possui um sistema que economiza combustível por meio da utilização de controles e software sofisticados, bem como o exclusivo gerador/motor elétrico de 36 volts. Ele funciona combinado com um motor a gasolina de 4 cilindros VVT Ecotec de 2.4 litros, igual à versão normal.

O sistema híbrido reduz o consumo de combustível do Chevrolet Malibu, graças a vários procedimentos, tais como o desligamento do motor quando o veículo não está em movimento – parado no semáforo, por exemplo -, de forma a minimizar o uso da marcha-lenta e, conseqüentemente, a utilização de combustível.

Fonte/Imagens: Divulgação

Compare Preços de: Vectra Elite, Vectra Elegance, Vectra Expression, Novo Vectra GT, Chevrolet Omega, VW Jetta, VW Passat, VW Bora, VW Golf, Toyota Camry, Toyota Corolla, Mercedes C 240, Mercedes Classe A, Mercedes SLK, Audi A4

Publicidade

61 Comments

  1. Hodney Fortuna

    28 de setembro de 2008 at 17:05

    MARCOS ROMERO disse,

    Comentado em Setembro 26, 2008 @ 12:06 pm

    carlos vc precisa esquecer o passado..

    TOYOTA NÃO QUEBRA…

    eu falo em media meu caro..”

    Eu já vi muitas Hilux no prego aqui em minha cidade.
    Que é isso? Todo carro quebra! A Toyota não é nenhuma alienigina. Seus carros possuem a mesma matéria prima empregada em outros carros.
    O diferencial é mais no preço das peças que custa até 3 vezes mais. Meu sogro possuiu um Astra GL ano 2001 por 7 anos. Vendemos o carro com 70 mil quilômetros todos rodados em minha cidade de pavimento lunar. Era um carro que apelidei de “tanque de guerra” de tão resistente. Seu único problema era o consumo que era um absurdo, 6 km/l mas tirando isso era um excelente carro.
    Gosto muito da Toyota mas em termos de custo com manutenção eu preferia um GM ou um Ford que é bem mais barato.
    Opinião pessoal.

  2. Hodney Fortuna

    28 de setembro de 2008 at 17:06

    MARCOS ROMERO disse,

    Comentado em Setembro 26, 2008 @ 12:06 pm

    carlos vc precisa esquecer o passado..

    TOYOTA NÃO QUEBRA…

    eu falo em media meu caro..”

    Eu já vi muitas Hilux no prego aqui em minha cidade.
    Que é isso? Todo carro quebra! A Toyota não é nenhuma alienigina. Seus carros possuem a mesma matéria prima empregada em outros carros.
    O diferencial é mais no preço das peças que custa até 3 vezes mais. Meu sogro possuiu um Astra GL ano 2001 por 7 anos. Vendemos o carro com 70 mil quilômetros todos rodados em minha cidade de pavimento lunar. Era um carro que apelidei de “tanque de guerra” de tão resistente, nunca precisou reparar a sua suspensão. Seu único problema era o consumo que era um absurdo, 6 km/l mas tirando isso era um excelente carro.
    Gosto muito da Toyota mas em termos de custo com manutenção eu preferia um GM ou um Ford que é bem mais barato.
    Opinião pessoal.

  3. Ggalleli

    30 de setembro de 2008 at 0:11

    Se liga o Carlos “cabeção”!!! O comentárioé a respeito do Marcos “et caterva”!!!!

  4. Amadeu Ruiz. "Iporã"

    30 de setembro de 2008 at 17:17

    Para saber se é bom só quando vir por aqui, o visual é bonito,interna também,o motor 2.4 do MALIBU é um 4 cilindros VVT ecotec Powertrain (171cv)parece que é atualizado não aquele 2.0 antigo do Vectra. gostei vamos ver no que vai dar…

  5. Gustavo

    30 de setembro de 2008 at 23:47

    Essa carro é massa!! Muito bonito! Porém a dianteira somente que tem personalidade. A traseira é tem o farol sendo uma mistura de Fusion (elemento triangular) com o Jeta (Faróis redondos e de leds). Aqui teria de mudar um pouco a traseira, pois sinceramente.. mais cedo ou mais tarde vão haver comparações. Imaginem só se os faróis de trá não fossem triangulares na ponta!!! Era o farol de Jeta todinho!!!

  6. André Agostin

    6 de outubro de 2008 at 11:46

    Carrinho ridículo!

  7. wellington polpeta

    6 de outubro de 2008 at 15:10

    não gostei da lanterna traseira

    se invadisse a lateral era muito

    mais bonito

  8. eduardo

    17 de outubro de 2008 at 12:27

    imitaçao barata do fusion

  9. eduardo

    17 de outubro de 2008 at 12:29

    da chevrolet mesmo so o enblema

  10. Lucio Thiago

    19 de outubro de 2008 at 17:17

    Nossa Esse Gm Malibu Vai ter um Efeito Impactante no mercado de Carros No Brasil Como li em algun comentariios Atras “Aki no brasil não teos mtas opções de Carros nessa Classe e nesse preço!!!
    E não tenho Duvidas quanto ao sucesso do Malibu pq Alem de ser um nvo modelo entrando em linha aki no Brasil ele tbm traz um desigi bem agradavel é confortavel e é da chevrolet!!!
    PArabens Gm Continuem assim!!!

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>