CARPLACE

Camaro conversível já tem preços definidos nos EUA – R$ 49 mil?

Chevrolet Camaro Conversível 2011

O que você acharia de colocar na garagem um novíssimo Camaro conversível pagando aproximadamente R$ 49 mil – menos, por exemplo, do que o preço de um Honda Fit DX com calotas e sem sistema de som? Se você mora nos EUA este é um sonho mais do que possível.

Chevrolet Camaro Conversível 2011

A versão de entrada do esportivo da Chevrolet, equipada com motor 3.6 V6 de 312 cv e câmbio manual de seis velocidades, tem preço inicial de US$ 29.150. Já a versão top de linha, impulsionada por um 6.2 V8 de 400 cv – a versão manual vem com 426 cv – e câmbio automático de seis marchas, chega aos US$ 39.650 (aproximadamente R$ 66,5 mil).

Chevrolet Camaro Conversível 2011

Disponível em 09 cores, o novo Camaro conversível já está à venda nas concessionárias norte-americanas. Quem se habilita?

Por: Thiago Parísio

Publicidade
Publicidade

36 comentários

  1. DOC

    1 de fevereiro de 2011 at 0:16

    So muito mais um Fit…… :P

    Sinceramente, a única forma de um dia termos preços ao menos justos no pais seia um boicote intenso a compra de automoveis novos, coisa que, invelismente, não acredito que a população iria aderir…….

    Mas seria interessantissimo ver por 5-6 meses as vendas de novos baixando uns 50%!

    Pena que qualquer redução de custos o povo ja vai as compras pensando estar fazendo um graaaaande negocio, como foi com a redução do IPI durande a crise…….

    • @Regis_Campos

      1 de fevereiro de 2011 at 12:54

      O que vai acontecer desta sua idéia seria só um plano de demissões em massa e desativação de plantas de montagem de veículos em detrimento das internacionais. O que nós deveríamos boicotar isso sim são os impostos, a verdadeira causa do por que dos brasileiros andarem em carroças muito caras.

      • DOC

        1 de fevereiro de 2011 at 20:58

        Não concordo

        Ao meu ver, o que aconteceria seria nova redução no ipi, férias coletivas, iriam liberar crédito para financiamento de veiculos, para somente depois o governo acordar com as montadoras uma redução de impostos associada a redução da mergem de lucro que, assim como os impostos, é absurda nesse pais!

        Claro que neste meio tempo as montadoras iriam dar ferias coletivas e talvez até algumas demissões ocorrecem, porem o governo JAMAIS iria deixar as montadoras fecharem as portas e deixar de arrecadar os impostos diretos e indiretos por ela gerados.

        Mas de qualquer forma isto infelizmente nunca ocorrerá……

      • Joao Pedro

        1 de fevereiro de 2011 at 21:54

        Leia mais sobre o assunto.

  2. EricoKutz

    1 de fevereiro de 2011 at 0:22

    E aqui no país do futuro o "normal" SS custa R$185.000,00???

    Queria saber qtos % pagamos de impostos e quantos % pagamos de lucro p/ GM…..

    Vergonha!!!

    • V8_sempre

      1 de fevereiro de 2011 at 3:02

      Pior é que, visto os concorrentes… Ele ainda tem um bom preço aqui !

      Poderiam lançar o V6 aqui… Que custaria mais barato !

    • EDGAR__RJ

      1 de fevereiro de 2011 at 8:24

      Queria saber quanto ficaria para eu importar um desses dos E.U.A ….

      • CaduRamires

        1 de fevereiro de 2011 at 8:53

        Calculo que chegaria para você em torno de R$ 140.000,00 (modelo básico, V6). Fiz um cáculo com base no que gastei na importação de uma moto, é aproximado…

        • EDGAR__RJ

          1 de fevereiro de 2011 at 11:05

          Então teria mais vantagens e trazer de lá, do que comprar aqui…. Por que pagar 185k num carro que vale 50k , é dose……

          • CaduRamires

            1 de fevereiro de 2011 at 14:34

            185k é o coupé, SS, 6.2 V8 via GM. O cabrio sobe um tanto mais, amigo… Pra nossa infelicidade, obviamente.

        • EricoKutz

          1 de fevereiro de 2011 at 13:06

          Cadu, me falaram que se vc quiser fazer importação por conta era p/ calcular o valor do carro + 100% o valor dele p/ pagar todos os impostos e frete.

          o V6 custa R$48.500,00….. Daria R$97.000,00.

          Tem alguma outra taxa então???

          • CaduRamires

            1 de fevereiro de 2011 at 14:43

            Não acredito que dê só isso. Eu importei uma Yamaha R1 2006 há exatos 5 anos. Na época, a Yamaha do Brasil não tinha trazido a moto ainda, e os importadores independentes cobravam R$ 84.000,00 por ela. Pagando a moto, frete, seguro, taxas e afins, mais o lucro do intermediário, ficou por R$ 70.000,00. O preço da moto lá fora era de 10.900 dólares, e a taxa da época era R$ 2,30 = U$1.00.

            Se observar, paguei quase o triplo do preço na origem para ter a moto aqui, pronta, transportada, segurada, ativada, tropicalizada, regulamentada junto aos órgãos competentes. Por isso não acredito na regra de dobrar o preço.

            Como curiosidade, paguei uma taxa de R$ 150,00 ao IBAMA para importar a moto. Motivo? Dar uma destinação (vulgo reciclagem) para dois pneus aqui no Brasil. Do contrário, poderia trazer a moto, mas sem os pneus que, no julgamento das autoridade$, um dia se tornariam lixo importado. Hoje esse valor deve ser maior, e foi para dois pneus. O carro vem com 5.

            Minha moto veio por via aérea (DHL), mas é uma moto. Carro vem de navio (que é mais barato porém mais demorado), mas é um bem mais caro, que ocupa mais espaço no veículo de transporte… Logo, meu cálculo foi aproximado, e com base no que vivenciei. Não sei dizer se alguma regra mudou.

    • renato

      1 de fevereiro de 2011 at 15:42

      aqui vai custar 349mil kkkkk

  3. Heindiabrado

    1 de fevereiro de 2011 at 2:35

    Se eu pudesse escolher, ficaria com o normal, apesar de achar demais essa versão.

    Só por curiosidade… Ví um crash-test com um Mustang conversível, e, na colisão, a cabeça do boneco foi atingida pelo pára-brisa.

    Video: http://www.youtube.com/watch?v=znjvnYjiFiA

    Sobre o video: Depois do teste em que o pára-brisa atinge a cabeça do boneco e recebeu a pior nota possível, a Ford fez algumas modificações que deixaram o Mustang mais seguro obtendo a nota mais alta no geral, mas ainda dá a impressão de insegurança.

    • V8_sempre

      1 de fevereiro de 2011 at 3:08

      Nossa ! Foi feio mesmo ! Parece até que entortou todo o chassi do carro (Embaixo do motorista) ! Será mesmo que conseguiram consertar algo assim ?

      O CAMARO aparentou ser MUITO mais resistente… Nem as rodas sairam do lugar !

      http://www.youtube.com/watch?v=ASDF4kM0PEI&fe

      • Wellington_L

        1 de fevereiro de 2011 at 18:46

        A comparação será mais correta quando fizerem o teste com a versão conversível do Chevrolet Camaro…, não é?

  4. fernando meier

    1 de fevereiro de 2011 at 7:33

    Em tem gente achando o preço dele no Brasil uma pechincha!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! parabens GM por enganar tantos otarios!!!

  5. WESLEY REIS

    1 de fevereiro de 2011 at 8:54

    QUE PAÍS É ESSE, ACHO TODOS DEVERIAMOS BOICOTAR ESSAS EMPRESAS, ESTAMOS PAGANDO 3 X MAIS CARO…BRASIL!

    • Guilherme

      1 de fevereiro de 2011 at 13:10

      Chega a ser até mais que 3x, não sei que imposto temos em cima de carro conversivel, mas esse Camaro nem tem como vir para o brasil pois o preço dele ficaria em torno de uns 215.000, se não mais, todo carro conversivel no Brasil é um absurdo vide 206 CC o 206 normal era em torno de uns 35.000 o CC chegava ao absurdo de 72.000 apenas por ser conversivel e importado, vide EOS tb que a wolks já até tiro do mercado. Brasil é pais de ridiculo se a gente tivesse pagando metade do que a gente paga hoje nos carros ainda seria um absurdo.

  6. Gutto

    1 de fevereiro de 2011 at 12:25

    Só digo uma coisa pra você, a Chevrolet poderia vender o Camaro SS V8 por 140 mil reais e ainda ter um otimo lucro, bem acima da margem praticada nos USA. Por 185 mil reais ele dão risada da cara dos otários que compram, no caso os otarios que ganham bem, estudaram mas continuam do DNA Brasileiro, den de gente burra vindo dos tempos de Portugal…Eu vou comprar o meu usadão quando este despencar pra menos da metade do preço….é o que me resta!

  7. Eduardo

    1 de fevereiro de 2011 at 12:37

    CHOREEEEEEEEEEMMMMMMMMMM DE RAIVA….RS MAS TAMBEM SE CUSTASSE 49 MIL UM CAMARO CONVERSIVEL AQUI NAO TERIA GRAÇA .

  8. @Regis_Campos

    1 de fevereiro de 2011 at 12:59

    Esse preço só em países sérios onde o povo não é roubado à mão armada por seus governantes. Os Egípcios tão agora mesmo tentando tomar o país de volta das mãos dos ditadores, será que nós brasileiros não deveríamos fazer o mesmo em relação aos políticos de carreira?

  9. KawasakiNinja

    1 de fevereiro de 2011 at 14:20

    Ah brasileiro reclama muito sem motivos… Puxa, vejam bem, teremos aqui um carro maravilhoso, Gol "Vintage", um carrão, quase um super esportivo, por cerca de R$57mil… kkkkkkkkkk

    • Bruno_Dimer

      1 de fevereiro de 2011 at 14:51

      Esse preço do GOL Vintage ainda não me caiu a ficha.

  10. BURRO MESMO

    1 de fevereiro de 2011 at 14:46

    NAO ACREDITO QUE É ESSE VALOR R$ 49.000,00 SO?, PUTZ ACABEI DE COMPRAR UM NORMAL POR R$ 180.000,00 AQUI EM CUIABA, E AGORA FICO SABENDO QUE UM CONVERSIVEL É 49.000,00, QUE PAIS É ESTE CARACAS FOI ROUBADO, GOVERNO SÃO OS PIORES LADROES DESTE PAIS, NAO ACREDITO QUE FUI PASSADO PRA TRAS, HA ISSO NAO,

  11. Bruno_Dimer

    1 de fevereiro de 2011 at 14:54

    "Camaro conversível pagando aproximadamente R$ 49 mil – menos, por exemplo, do que o preço de um Honda Fit DX com calotas e sem sistema de som?"

    Euuuu sou Brasileirooooo!!! com muito orgulho!!! com muito amooooor!!! hahahahahaha!!

  12. Mazziel

    1 de fevereiro de 2011 at 15:14

    Se for para gastar esta grana só para trazer o carro para o Brasil, e melhor ir morar logo nos EUA, pois lá você consegue comprar carros muito melhores do que o Camaro com a grana que aqui você compra um Civic , Corolla, Fusion, Azera e cia. Rsrsrsrsrsrs

    Abração!

  13. Roberto

    1 de fevereiro de 2011 at 16:18

    Lá nos EUA 49 mil é o preço do Camaro.
    Aqui no Brasil a Chevrolet cobra isso pelo novíssimo Celta 2012 com design, conforto e segurança de ponta (de estoque).

  14. 2SIX

    1 de fevereiro de 2011 at 17:22

    Não caras, vocês estão erram a conta: o preço de venda na loja no EUA NÃO poden ser referência para o preço de exportação. Como é de empresa para a própria imagino que na exportação dos EUA poderia ser utilizado o custo de fabricação. Assim, mesmo com o valor do frete e os impostos dá para concluir que o lucro da GMB é de MAIS DE 50% DO VALOR DE LOJA NO BRASIL.

  15. Alberto Neto

    1 de fevereiro de 2011 at 17:26

    Se este Camaro conversível viesse pra cá, com motor V6, seria mais barato que o vendido aqui.

    O nosso V8 2SS sem ser conversível custa 34 mil dólares lá, e o conversível V6 tá saindo por 29 conforme esta matéria.

    Fazendo as contas chegaria por algo em torno de R$ 157.246,00.

    Triste é saber que o Camaro básico V6 3.6l sem ser conversível custa lá $22.680, o que equivale a R$ 37.626,12.

    O que se compra aqui por 37k? Um 207 1.4 completinho hein! Hahahahahah!

  16. Alberto Neto

    1 de fevereiro de 2011 at 17:28

    Descrição do Camaro básico sem ser conversível deles:

    Camaro LS

    •3.6L 312-hp V6 engine
    •18" heritage steel wheels
    •Dual-outlet stainless-steel exhaust with polished tips
    •Steering wheel-mounted cruise control
    •Six-speed manual transmission
    •OnStar(3) Directions & Connections® Plan for the first six months, including Turn-by-Turn Navigation

    MSRP¹: Starting at $22,680 = R$ 37.626,12

  17. fernando

    1 de fevereiro de 2011 at 23:14

    vivemos no pais que criamos… se tem alguem q paga o q se oferece, a coisa anda como eh por aqui. La nos EUA falem o q for, sejamos sinceros, todo brasileiro gostaria de ter o q há de bom nos states, como:

    carroes a preços acessiveis a qq ser humano 'normal'
    eletronicos de ponta, sem taxa abusivas
    segurança para ir e vir, bem superior ao nosso
    povo unido e lutador pelos seus interesses
    asfalto como tapete, lá o governo e senado fazem algo pelo povo, aqui tambem, nos roubam
    e por ai vai etc…etc…

    o Brasil so daqui uns 300 anos pra quem sabe ser os EUA de hj, pena q até la nenhum de nos estara aqui pra aproveitar tudo isso.
    Se oportunidades tiver, nao penso 2x pra ir pra EUA, problemas todos tem, porem, lá, eh mto menos dor de cabeça do q temos aqui!

  18. Gabriel Roveda

    3 de fevereiro de 2011 at 10:28

    Cara estou com um pé cá e outro lá pra ir pros EUA

    acho que vou me mudar dessa merd@ de país chamada de “Brasil”

    Vou pros EUA

    Ta loko assim não dá

    O ruim é deixar familia,carro,tudo pra tras

    aff oq eu faço

    T.T

    • Marcos

      6 de fevereiro de 2011 at 10:03

      Já vai tarde! Colonizado subalterno.

    • Gledson Azevedo

      1 de março de 2012 at 19:58

      Cara te dou todo apoio pelo menos vc não é roubado como é aqui no BRASIL

  19. Paulo

    30 de agosto de 2012 at 11:31

    ACORDA BRASIL!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>